Follow Us @soratemplates

01/05/2019

Resenha :: Caraval


Olá, leitores.

Passando para compartilhar a minha experiência de ler Caraval. Sinceramente, não esperava ter a experiência incrível que tive com essa história. Primeiro porque o começo te leva a uma pequena ilha, onde Scarlett e sua irmã, Donatella, vivem com seu cruel e poderoso pai, o Governador Dragna, e de onde nunca saíram. Então somos apresentados a esse outro mundo onde ilhas e continentes tem governos locais e terrenos ainda não conquistados. E vamos sabendo aos poucos mais sobre as histórias de ambas as irmãs e porque o pai as trata de maneira tão fria e cruel.


Porém é da infância que vem as doces memórias de Scarlett, que desde então sonha em conhecer o Mestre Lenda do Caraval, e por isso chegou a escrever cartas a ele, mas nunca obtivera resposta. Agora, já crescida e temerosa do pai, ela está de casamento marcado com um misterioso conde, e certamente não terá mais a chance de encontrar Lenda e sua trupe, mas isso não a impede de escrever uma carta de despedida a ele. 

Os portões fecham à meia-noite. Qualquer pessoa que chegue depois disso não será capaz de participar do jogo, nem de conquistar o prêmio deste ano, que é de um desejo.

Dessa vez o convite para participar do Caraval finalmente chega à Scarlett. No entanto, aceitá-lo está fora de cogitação, Scarlett não pretende desobedecer ao pai. Sendo assim, Donattela, com a ajuda de um misterioso marinheiro, sequestra e leva Scarlett para o espetáculo. Mas, assim que chegam, Donattela desaparece e Scarlett precisa encontrá-la o mais rápido possível. 


Caraval é um jogo elaborado, que precisa de toda a astúcia dos participantes. Ela tem apenas cinco dias para encontrar sua irmã e vencer esta jornada. Porém, tudo o que você já ouviu sobre Caraval, não se aproxima da realidade. É mais do que um jogo ou uma performance. É o mais perto que você chegará da magia neste mundo.

O que quer que tenha ouvido sobre Caraval não se compara à realidade. É mais do que só um jogo ou apresentação. É a coisa mais parecida com magia que você verá neste mundo.

E assim vamos conhecer a verdadeira Scar, como ela se vê e como lida quando é levada a se superar, lutar contra seus medos e o desespero de não saber onde a irmã está, se conseguirá encontrar e se, de fato, será capaz de voltar a tempo para seu casamento e evitar o peso da ira do pai contra elas. 


Como a narrativa é feita por Scarlett, vamos conhecendo sua maneira de ver as emoções em cores e cheiros, como ela vai crescendo ao longo dos jogos, que mesmo parecendo algo de duração curta, te faz pensar que um dia em Caraval tem uma medida de tempo muito distante das 24 horas que regem nossos relógios. Afinal o tempo lá gira ao contrário e é dele que se extrai a magia.

— Se quiser vencer, terá que ser um pouco impiedosa. O Caraval não é uma lição sobre gentileza.

E sem perceber me vi lendo sem parar essa história, porém sem pressa, sem peso, só aquela necessidade por respostas e cada vez mais perguntas, porque as respostas que vinham só mostravam que eu tinha errado em minhas suposições ou feito as perguntas erradas. De uma maneira maravilhosa, fui participando do jogo, torcendo por Scarlett e de certo modo sofrendo com suas escolhas, porque a renúncia em Caraval nunca é a um preço baixo, o custo da renúncia é sempre muito alto. Eu li algumas críticas à escrita da autora, mas acho que para fantasia não cabem, fantasia é para você mergulhar em outro universo, tentar sair da sua zona de conforto e imaginar, tenta sentir diferente da sua realidade. 

O maior erro que notei foi tentar encontrar nesse livro, nessa história, a continuação para outra, para outro tipo de lugar. Aqui não é um circo, é um centro de diversões que é muito comum nos Estados Unidos, por exemplo. Não é porque o Mestre Lenda usa cartola que ele é um mágico de circo, ele é Mestre da Magia o que é bem diferente, e mostrado nesse livro.


A edição em que li foi de capa dura, e posso dizer que é lindíssima; a diagramação, folha de guarda, tradução e tamanho de fonte e texto estão lindos; a divisória é incrível e tem tudo a ver com a história. Um trabalho realmente muito bonito que está em folhas amareladas. Já estou ansiosa a espera da próxima história, Lendário. Boa leitura, divirta-se!


Nota ::  4,5

Informações Técnicas do livro

Caraval
Lembre-se, é apenas um jogo
Caraval #1
Ano: 2017
Páginas: 352
Editora: Novo Conceito
Sinopse:
Scarlett nunca saiu da pequena ilha onde ela e sua irmã, Donatella, vivem com seu cruel e poderoso pai, o Governador Dragna. Desde criança, Scarlett sonha em conhecer o Mestre Lenda do Caraval, e por isso chegou a escrever cartas a ele, mas nunca obtivera resposta.
Agora, já crescida e temerosa do pai, ela está de casamento marcado com um misterioso conde, e certamente não terá mais a chance de encontrar Lenda e sua trupe, mas isso não a impede de escrever uma carta de despedida a ele.
Dessa vez o convite para participar do Caraval finalmente chega à Scarlett. No entanto, aceitá-lo está fora de cogitação, Scarlett não pretende desobedecer ao pai. Sendo assim, Donattela, com a ajuda de um misterioso marinheiro, sequestra e leva Scarlett para o espetáculo. Mas, assim que chegam, Donattela desaparece, e Scarlett precisa encontrá-la o mais rápido possível.
O Caraval é um jogo elaborado, que precisa de toda a astúcia dos participantes. Será que Scarlett saberá jogar? Ela tem apenas cinco dias para encontrar sua irmã e vencer esta jornada.
O Grupo Editorial Novo Conceito oferece sempre os best-sellers mais aguardados e comentados do meio literário. Em anos de sucesso editorial, foram vários os autores e títulos reconhecidos na principais listas do PublishNews e Veja. O selo Novo Conceito foi desenvolvido para reunir essas grandes publicações, além das novidades e lançamentos internacionais que ainda virão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!