08 dezembro, 2020

# @Milly # Aventura

Resenha :: A Rainha Exilada


  Pode conter spoiler do livro anterior.

Confira a resenha de O Rei Demônio, clicando aqui.

O segundo livro da série Os Sete Reinos não decepcionou nem um pouco, inclusive ouso dizer que foi melhor do que o primeiro livro, que, para mim, já havia sido incrível! Mas vamos à história.


"Na temporada anterior dos Sete Reinos..." — voz de locutor


Depois de perder sua mãe e a irmã Mari e descobrir que é o último descendente mago do Rei Demônio e que os braceletes que usava desde bebê eram a única coisa que o impedia de usar sua magia, Han Alister parte para Vau de Oden para estudar magia na academia Mystwerk, com seu amigo Dançarino de Fogo (que ele descobre ser também mago, apesar de ser dos clãs das montanhas). Banhado no luto, sede de justiça e sem outra perspectiva de vida pela frente, ele aceita que os clãs financiem seus estudos na academia em troca de ser uma “arma” para os clãs contra o poder dos magos que eles tanto odeiam. 


... eles tinham esperança de que Han Alister, o amaldiçoado pelo demônio, se mostrasse uma grande arma contra o poder crescente do Conselho dos Magos.

 

Enquanto isso a princesa herdeira Raisa também está fugindo de Fells para Vau de Oden, para não ser obrigada a se casar com o filho do Grão Mago, Micah Bayar, indo assim contra o acordo feito desde a Cisão que proíbe as rainhas da linhagem Lobo Gris a se casarem com Magos. Diferente de Han, ela vai para cidade frequentar a academia Wien para formação de soldados, disfarçada de Rebecca Morley, junto com seu capitão da guarda, Amon Byrne, que é o único que sabe de sua verdadeira identidade (e por quem ela é apaixonada).


Talvez ela quisesse descobrir o que realmente está acontecendo no mundo para que ela pudesse ser uma governante melhor.


Agora em que pé estamos? Muita confusão e novas informações para apenas um livro, eu sei. Mas uma coisa que aprendi sobre a escrita de Cinda Williams Chima é que ela não é uma mulher apressada no seu desenvolvimento, é isso é completamente satisfatório para mim. 

 

Em A Rainha Exilada temos dois momentos importantes. O primeiro que é o caminho percorrido pelos protagonista até a cidade de Vau de Oden. E a autora não se apressa para que em um passe de mágica eles já estejam lá nas suas respectivas academias, na verdade eles passam um bom tempo na estrada, separadamente e em tempos diferentes, óbvio, o livro continua dividido no ponto de vista do contexto de Han e Raisa. O segundo momento é dos estudos deles na academia que é muito mais interessante afinal.

 

Somos todos ladrões, de um tipo ou de outro.


Existe um longo tempo que decorre até o reencontro de Han com Rebecca (como ele a conhece desde o sequestro do primeiro livro não sabendo que ela é a princesa).  Como eu disse não temos uma autora apressada aqui (risos). Mas o lado bom de tudo isso é que, conforme tudo vai se desenvolvendo, em nenhum momento fica maçante o desenrolar da história, conseguimos acompanhar o aprendizado pesado de Raisa na academia Wien tentando passar por uma cadete “comum” e o aprendizado de Han em Mystwerk que, na minha opinião, foi bem mais movimentando e interessante ainda mais tendo que estudar com os dois filhos do Grão Mago (Micah e Fiona), cujo pai é responsável por assassinar a mãe e irmã de Han, além de que ainda querem recuperar o amuleto que Han tirou de Micah. 

 

Aquela era a questão. No mundo dos sangues azuis, seu inimigo jantava e dançava com você, falava bonito na sua frente enquanto dava a volta para esfaqueá-lo pelas costas.


Durante a história vemos o aparecimento de Corvo, um mago misterioso que ajuda Han a aprender novos feitiços e que parece odiar os Bayar tanto quanto ele (ou até mais). Mas Alister terá que descobrir se o inimigo do seu inimigo é realmente seu amigo, além de se ver preso por mais maquinações políticas dos magos do que ele esperava.

 

Não posso negar que, apesar de Raisa ser uma personagem interessante, inteligente e ter uma personalidade marcante, o ponto alto da série Os Sete Reinos é a figura de Han Alister e seu desenvolvimento como ladrão a mago poderoso, até os secundários em volta dele são bem mais cativantes, como Dançarino e Cat. Os Bayar, por exemplo, que os dois conhecem em contextos diferentes, conseguem ficar com personalidades mais “atrativas" na sua narrativa, mesmo o livro sendo em terceira pessoa.

 

Apesar da personalidade de Han se sobressair da de Raisa, os dois juntos não tem como não gostar, eles têm química, física, história e todas as disciplinas possíveis juntos. E nada foi feito de forma abrupta como costumamos ver em romances literários. Vale muito a pena acompanhar o crescimento deles e, pelo final desse livro, já sabemos que as coisas para esses dois ficarão bem mais complicadas. As verdades que escondem um do outro uma hora serão reveladas, e a ansiedade bate para ver no que vai dar. Boa Leitura.



Nota :: 


Informações Técnicas do livro

A Rainha Exilada

Os Sete Reinos #2

Cinda Williams Chima

Tradução: Regiane Winarski e Ana Resende

Ano: 2014

Páginas: 456

Editora: Suma de Letras

Sinopse:

Depois de ter a família assassinada por Lorde Bayar, Han Alister faz um acordo com os clãs: eles bancarão seus estudos na Academia Mystwerk em troca de ajuda contra o Conselho dos Magos. Han logo aprende a se transportar para o mundo mágico de Aediion, onde conhece Corvo, um mago poderoso que oferece lhe ensinar magia avançada e uma parceria para destruir os Bayar. Mais um acordo do qual ele espera não se arrepender depois. Em A Rainha Exilada, segundo volume da série Os Sete Reinos, a princesa-herdeira de Fells, Raisa ana'Marianna, foge de seu reino para escapar de um casamento indesejado. Ela acredita que só a Academia Wien pode oferecer o que precisa para ser uma boa rainha para Fells, por isso decide se passar por uma estudante comum na escola militar. Quando os caminhos de Han e Raisa se cruzam novamente, é difícil resistir à conexão imediata que sentem. Embora não possam revelar sua verdadeira identidade, os dois estão destinados a mudar tanto a vida um do outro quanto o futuro de todo o Reino de Fells.


Um comentário:

  1. Hey dear! loved the post and already followed <3 i want invite you to visit and follow my blog back <3

    www.pimentamaisdoce.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!