Follow Us @soratemplates

25/09/2018

Especial :: Livros que receberam adaptações em Quadrinhos

25 setembro 1 Comentários

Olá, tudo bom?

Creio que muitos de vocês já tenham lido ao menos uma história em quadrinhos na vida — sejam os queridos gibis da Turma da Mônica na Infância, sejam as histórias de super-heróis ou mangás. É um estilo de leitura extremamente agradável e prazeroso, e alguns livros também estão recebendo uma nova roupagem e sendo adaptados para quadrinhos. Resolvi separar alguns que já li ou pretendo ler e deixar como sugestão.


 O Hobbit

Sinopse:
“O Hobbit” é um dos livros mais importantes de J. R. R. Tolkien, prelúdio a “O Senhor dos Anéis”. Conta a história de Bilbo Bolseiro, um Hobbit pacato e satisfeito cuja vida vira de cabeça para baixo quando ele se junta ao mago Gandalf e a treze anões em sua jornada para reaver um tesouro roubado. Esta versão em quadrinhos, cuidadosamente condensada por Charles Dixon e ilustrada por David Wenzel, tornou-se por si só um best-seller clássico.


Li esta adaptação e gostei, ficou bem divertido de acompanhar a trajetória de Bilbo em cores, deu uma vida extra a essa história que já mora no meu coração! Creio que seja um bom primeiro contato com a obra de Tolkien para quem ainda não conhece nada do universo criado por ele, e aos fãs, uma boa alternativa de leitura.


 Entrevista com o Vampiro

Sinopse: 
Esta não é simplesmente uma adaptação para os quadrinhos de Entrevista com o vampiro, best-seller de Anne Rice que virou filme em 1994. Meticulosamente ilustrado por Ashley Marie Witter, a versão em graphic novel do livro de estreia da rainha dos vampiros reconta a história sob um ponto de vista inédito: o da vampira criança Cláudia, a imortal de 6 anos de idade, órfã e assassina, vítima e monstro, representada por Kirsten Dunst na versão cinematográfica. As ilustrações em tons de sépia de Ashley Marie Witter retratam fielmente os personagens felinos e andróginos de Rice. O desenho detalhista, algo vintage, reforça o clima ao mesmo tempo sensual e sombrio da obra original, renovando e enriquecendo a narrativa. A história se inicia com a transformação da enigmática Cláudia em um vampiro e acompanha seu “envelhecimento”, as hostilidades crescentes entre ela e Lestat, seu caso de amor platônico com Louis e sua busca desesperada por outros de sua espécie, com quem espera obter respostas sobre sua própria natureza. A perspectiva de Cláudia, com uma mente adulta eternamente aprisionada em um corpo infantil, nos mostra uma nova gama de conflitos e contradições, nunca antes apresentados em qualquer livro da série original, tornando esse volume um item indispensável para qualquer aficionado por Anne Rice e seus personagens. A adaptação é a primeira graphic novel inteiramente produzida pela autora e ilustradora Ashley Marie Witter, que estudou desenho pensando em trabalhar com cinema e videogames antes de descobrir sua vocação para os quadrinhos.


Seria bem difícil fazer qualquer comentário sobre essa obra, uma vez que Cláudia é uma das minhas personagens favoritas das Crônicas Vampirescas de Anne Rice e achei essa adaptação simplesmente incrível. É uma ótima pedida para quem deseja conhecer o universo criado pela autora, pelos olhos de uma personagem que se tornou icônica na série.


 Assassinato no Expresso Oriente

Sinopse:
Adaptação de Benjamin von Eckartsberg com Ilustrações de Tsai Chaiko O clássico de Agatha Christie agora em quadrinhos Uma gélida noite de inverno. Logo depois da meia-noite, um banco de neve obriga o luxuoso Expresso Oriente a interromper sua viagem de Istambul a Paris e a ficar parado no meio do nada. O trem está surpreendentemente lotado para essa época do ano. Ao amanhecer, um ricaço americano é encontrado morto em sua cabine com várias facadas no peito. Coincidentemente, Hercule Poirot é um dos viajantes e conduzirá uma de suas mais difíceis investigações nos vagões isolados no meio da neve... No mundo todo, Assassinato no Expresso Oriente é uma das histórias mais conhecidas e amadas de Agatha Christie, a Rainha do Crime – agora em nova adaptação em quadrinhos, para deleite de fãs de todas as idades.


 O Livro do Cemitério

Sinopse: 
Bestseller do The New York Times e premiado com as medalhas Newberry (EUA) e Carnegie (Reino Unido), o romance O livro do cemitério, do cultuado escritor Neil Gaiman, ganha versão em quadrinhos adaptada por P. Craig Russell, parceiro de Gaiman em diversos livros, incluindo a versão em HQ de outro clássico do autor, Coraline. O livro é o primeiro de dois volumes que acompanham a trajetória de Ninguém Owens, ou Nin, um garoto como outro qualquer, exceto pelo fato de morar em um cemitério e ser criado por fantasmas. Cada capítulo nesta adaptação de Russell acompanha dois anos da vida do menino e é ilustrado por um artista diferente, apresentando uma variedade fascinante de estilos que dão ainda mais vida à atmosfera ao mesmo tempo afetuosa e sombria da história.

Conclui a leitura dessa obra e fiquei encantada, novamente, pela mente criativa de Neil Gaiman! Devo dizer que a arte está belíssima, os artistas criaram um conjunto único e aterrador, mantendo um equilíbrio entre ele. RECOMENDO!


 O Diário de Anne Frank

Sinopse:
Um dos livros mais lidos do mundo agora chega ao Brasil em sua primeira edição oficial em quadrinhos, autorizada pela Anne Frank Fonds Basel.

O diário de Anne Frank foi publicado pela primeira vez em 1947 e faz parte do cânone literário do Holocausto. E agora, pela primeira vez, vem à luz esta edição em quadrinhos. O roteirista e diretor cinematográfico Ari Folman e o ilustrador David Polonsky demonstram com essa adaptação a dimensão e a genialidade literárias da jovem autora. Eles tornam visual o contemporâneo documento histórico de Anne Frank e traduzem o contexto da época no qual foi escrito. Baseada na edição definitiva do diário, autorizada por Otto Frank, pai de Anne – um dos livros mais vendidos do mundo, publicado no Brasil pela Editora Record –, esta versão em quadrinhos torna tangível o destino dos oito habitantes do Anexo durante seus dias no esconderijo.


Abraços! 


Créditos: Todas as Imagens e Sinopses foram retiradas do site da Amazon!

21/09/2018

Resenha :: Não Pare!

21 setembro 2 Comentários

Não Pare! conta a história de Nina Scott, uma garota que não suportava mais a vida nômade e solitária que sua mãe, Stela, a obrigava a ter. Mudar de cidade ou de país a cada piscar de olhos, conviver com tantas perguntas que a consumiam, assombrada por mistérios de um passado guardado a sete chaves. Agora, aos 16 anos, a garota das estranhas pupilas verticais exigia respostas.


E nesse momento você também, afinal por que a mãe mantém a filha tão absurdamente no escuro a respeito de tudo? Tudo mesmo! Para mim, os problemas de Nina são causados pela falta de explicação da única pessoa em sua vida, afinal ela não sabe sobre seu próprio pai, as mudanças de cidade têm uma explicação muito rasa para continuarem fazendo sentido após tantas mudanças e, em especial, por que ela tem as pupilas dos olhos assim que a fazem ter que esconder isso de todos?! Ahh sim, e por que ela é dona de um azar sem fim?!

E, para sua péssima sorte, as respostas já estavam a caminho, e nossa Nina vai descobrir que existem respostas que é melhor não saber. Quando sua mãe, Stela, decide ficar em Nova York, Nina acredita que seu sonho de ter uma vida normal vai se tornar realidade. Finalmente terminará o ano letivo em um mesmo colégio, poderá fazer amigos sem ter que abandoná-los em seguida, viver um grande amor, amadurecer, criar raízes... enfim, curtir a juventude. Mas o “normal” está muito longe da vida de Nina!

Pisquei e tudo ficou embaçado. Pisquei de novo e eu não estava nem lá. O que acabara de acontecer comigo tinha sido um truque de ilusão? Verdadeiro ou falso?

Perdida no olho de um furacão de mortes e inexplicáveis acidentes, tendo que esconder os terríveis fatos da mãe paranoica... O que explicaria os paralisantes calafrios, a perda de visão e de memória que experimentava sempre que alguém morria ao seu redor? É chegada a hora da verdade, e assim que a verdade chega imprime ao livro um ritmo cada vez mais intenso e delicioso para leitura. Outro fator muito legal nessa leitura é que o certo e o errado estão separados por uma linha muito fina, e nem sempre o que parecer é de fato ou real, pode ser apenas o prenúncio de coisas muito maiores.

O que já estava bom pode ficar ainda melhor, com a dúvida de quem shippar (torcer por um casal) nessa história, afinal de contas, bem diferente do que os filmes de terror nos contaram, a morte pode ser sim tentadora, sarcástica e muito, muito interessante. Afinal como não se perder naquele azul infinito?

Não era para eu sentir nada. Queima tudo. Só quando estou perto de você é que sinto essa febre abaixar, essa dor acalmar .Como se você fosse a minha cura, o meu remédio.

Outra coisa maravilhosa é descobrir que a história traz um universo totalmente novo que dá total credibilidade à história, pois foge do nosso dia-a-dia e nos mantém nele, deixando sempre aquela sensação de que talvez, apenas talvez, tudo faz um sentido tão absurdo que chega a parecer real. Não tem como não terminar esse livro sem já começar o próximo ao final. Não Pare! Não pare de ler e divirta-se com Jonh, ops, Richard, ops Nina... rs.

Há pouco mais de um mês, eu nunca havia pensado em como morreria. Paradoxalmente, a morte surgiu em meu caminho e, junto com todos os horrores, ela me trouxe felicidade, vida. A vida que eu jamais imaginaria ter. Muito além das minhas expectativas. Infelizmente, com uma mão ela me acariciava e com a outra, me ceifava.



O livro físico é um show à parte, com a marca da editora Valentina em cada detalhe, porque sim, meus caros leitores, cada detalhe é absurdamente pensando para fascinar e encantar quem vai ler: com uma fonte e diagramação perfeita, pequenos detalhes que encantam a leitura e deixam com os olhos brilhando e o coração feliz de quem já leu. Afinal são vários detalhes que ganham um novo olhar ao final do livro e isso desde lombada à capa. Para quem é fã do e-book a edição está perfeita, e acho que ainda está no Unlimited, então se você tem o serviço não perca tempo e vai já conferir essa história!!!


Nota :: 



Informações Técnicas do livro

Não Pare!
Para se sentir vivo, você entregaria sua vida nas mãos da morte?
Trilogia Não Pare! #1
Ano: 2015
Páginas: 280
Editora: Valentina
Sinopse:
Nina Scott não suportava mais a vida nômade e solitária que sua mãe, Stela, a obrigava a ter. Mudar de cidade ou de país a cada piscar de olhos, conviver com tantas perguntas que a consumiam, assombrada por mistérios de um passado guardado a sete chaves. Agora, aos 16 anos, a garota das estranhas pupilas verticais exigia respostas.
E, para sua péssima sorte, elas já estavam a caminho! 
Quando Stela decide ficar em Nova York, Nina acredita que seu sonho de ter uma vida normal vai se tornar realidade. Finalmente terminará o ano letivo em um mesmo colégio, poderá fazer amigos sem ter que abandoná-los em seguida, viver um grande amor, amadurecer, criar raízes... Enfim, curtir a juventude.
Mas o “normal” está muito longe da vida de Nina!
Perdida no olho de um furacão de mortes e inexplicáveis acidentes, tendo que esconder os terríveis fatos da mãe paranoica, Nina começa a desconfiar da própria sanidade mental, de tudo e de todos. O que explicaria os paralisantes calafrios, a perda de visão e de memória que experimentava sempre que alguém morria ao seu redor? O que ela teria a ver com os bizarros e sobrenaturais acontecimentos? Estariam eles interligados?
Seria a Morte sua companheira para toda a vida?
É chegada a hora da verdade.

Para a Editora Valentina, leitura é, acima de tudo, entretenimento.
Olho vivo e faro fino.
Esse é, na verdade, o lema de todo grande editor. E a pinscher dessa editora encarna esse lema como ninguém.


 _____Sobre a Autora_____

FML Pepper



Workaholic assumida, FML Pepper viu o mundo virar de cabeça para baixo quando descobriu que estava grávida, mas que seria uma gravidez de risco e que teria que ficar de repouso durante os nove meses. Após um mês deitada – e a um passo da depressão – , seu marido a presenteou com um romance infantojuvenil. A partir daquele dia, devorou quantidades absurdas de todo tipo de ficção para jovens e, para nunca mais se afastar dos personagens fantásticos que amava ou surgiam em sua mente, decidiu escrever. Costuma dizer que, ao fim da gestação, deu à luz dois filhos: um lindo menininho e a paixão pela literatura jovem. Ainda se beliscando para acreditar que se transformou em best-seller da Amazon da noite para o dia e regada a muito café e rock’n’roll, divide seu tempo entre o consultório e a carreira literária, junto ao melhor marido das galáxias, seu pequeno príncipe, suas duas chihuahuas lindinhas e orelhudas, e seus personagens fantásticos e emocionantes. E sonha, feliz da vida, em levar sua trilogia fantástica para o mundo todo.

20/09/2018

Resenha :: Opostos (Saga Lux #5)

20 setembro 0 Comentários

  Pode conter spoiler dos livros anteriores.

Confira as resenhas dos primeiros livros da saga!


Oi Faroleiro,

A gente sente tantas emoções quando chega ao final de uma série. Desejamos ler o último livro da série para saber como tudo vai terminar, mas quando finalmente chegamos ao fim, um enorme vazio se abre em nosso coração. Sentimos saudade dos personagens que passamos a amar e até mesmo daqueles que odiamos.

Gostei tanto da série Lux que foi assim que me senti ao ler Opostos, livro escrito pela americana Jennifer L. Armentrout e publicado pela Editora Valentina.

Originais foi avassalador! Não foi fácil acompanhar tudo pelo que Katy passou para no final ela ver os irmãos Black seguirem junto com os alienígenas invasores deixando Katy, Beth, Luc e Archer para trás. Estaria o Sargento Dasher correto sobre Daemon durante todo esse tempo? Katy e Daemon estariam, realmente, em lados opostos nessa guerra?

Katy e Archer estão comprando remédios para Beth que está muito fraca quando o mercado é atacado pelos alienígenas.

Eles estão assimilando o DNA dos humanos. [...] Era como assistir à versão Luxen de Os Invasores de Corpos. Uma versão mortal, e que estava acontecendo por todo o mercado. Para onde quer que eu olhasse, havia um corpo despencando no chão.

Durante a carnificina, Katy sentiu o quente e familiar arrepio na nuca. Daemon estava entre eles? Impossível! Daemon não seria capaz... seria???

O apocalipse realmente começou e Katy não vai aceitar isso numa boa. Ela é uma personagem forte e muito espirituosa. Claro que fez várias escolhas erradas durante a série (quem nunca?), mas ela foi evoluindo e prova que nunca precisou ser protegida pelo amado Daemon. O amor dele e sua gatinha transcende as páginas do livro!

— Kat. [...] Eu quebrei todas as regras da minha espécie para curar você e mantê-la comigo. Me casei com você e incendiei uma cidade inteira para protege-la. Eu já matei por você. Acha que eu esqueceria o quanto você significa para mim? Que qualquer coisa neste mundo, ou em qualquer outro, seria mais forte do que meu amor por você?

O final é muito bom. Jennifer L. Armentrout deixou todas as histórias amarradas, porém Opostos não tem tanta adrenalina como Originais. Isto não é ruim, porque se fosse assim nosso coração estaria completamente esmagado.

A série Lux teve pontos altos e outros não tão altos assim, mas é apaixonante, com personagens memoráveis e uma história envolvente. O que começou como um romance sobrenatural (que adoro!) entre uma humana e um alienígena evoluiu para um livro de ação e ficção. Por isso sempre falei que a saga Lux é uma mistura de Crepúsculo com Os Legados de Lorien.

Se você já está com saudade de Daemon, Katy e de toda a turma, não deixe de entrar em contato com a Editora Valentina pedindo para eles lançarem o prequel Shadows, que conta a história de Dawson e Beth. Nos EUA, este conto foi lançado junto com Opostos. Tem também Oblivion que é a versão de Daemon para os três primeiros livros. Este último só foi lançado em e-book lá fora.


Com saudade, André


Nota :: 

Informações Técnicas do livro

Opostos
O apocalipse vai começar!
Saga Lux #5
Ano: 2018
Páginas: 344
Editora: Valentina
Sinopse:
Katy sabe que o mundo mudou desde a noite da chegada dos Luxen.
Ela não consegue acreditar que Daemon tenha se juntado à sua própria raça ou que vá ficar de braços cruzados enquanto esses novos Luxen tentam varrer todos os seres humanos e híbridos da face da Terra. No entanto, as linhas entre o bem e o mal não são mais tão nítidas, e o amor se tornou uma emoção que poderá destruí-la — na verdade, destruir a todos.
Daemon fará o que for preciso para proteger aqueles que ama, mesmo que para isso...
Eles terão que se aliar a um inimigo improvável se quiserem ter qualquer chance de resistir à invasão. Mas à medida que se torna cada vez mais difícil distinguir entre aliados e adversários, e com o mundo prestes a desmoronar, eles talvez tenham que abrir mão de tudo que lhes é mais precioso para garantir a sobrevivência de seus amigos... e da humanidade.
A Terra está em guerra e, qualquer que seja o resultado, o futuro jamais será o mesmo para aqueles que conseguirem sobreviver.

Para a Editora Valentina, leitura é, acima de tudo, entretenimento.
Olho vivo e faro fino.
Esse é, na verdade, o lema de todo grande editor. E a pinscher dessa editora encarna esse lema como ninguém.

_____Sobre a Autora_____ 
    Autora   

Jennifer L. Armentrout (J. Lynn)



Jennifer L. Armentrout, também conhecida como J. Lynn, é autora #1 do New York Times e do USA Today e best seller internacional, além de ter conquistado vários prêmios e um dos seus livros ser considerado o melhor do ano em ficção YA pela YALSA.
Vive no oeste da Virginia. Quando não está escrevendo, ela passa seu tempo lendo, trabalhando, vendo filmes de zumbis, e fingindo escrever. Ela divide sua casa com o marido, um parceiro K-9 chamado Diesel, seu hiper Jack Russell Loki, e sua tartaruga de estimação chamado Michelangelo. Seu sonho de se tornar autora começou na aula de álgebra, onde ela passou o tempo escrevendo contos. Jennifer escreve livros adultos e Jovens adultos, fantasia e romance.

19/09/2018

Resenha :: De repente, tudo muda

19 setembro 1 Comentários

Olá, Clube do Farol! Hoje trago para vocês a resenha do último livro lançado da autora amiga Renata R. Corrêa.

Tive o imenso prazer de “betar” a história de De repente, tudo muda. E vou logo contando que o livro já começa com um prólogo que deixa qualquer um com o “coração na mão”.

Antes da resenha, vem conferir esse book trailer de tirar o fôlego!!! 


— Às vezes, o destino tem um jeito curioso para fazer as coisas acontecerem, não é mesmo?

De repente, tudo muda apresenta ao leitor uma história cheia de emoção — muita emoção — e reviravolta.


Neste livro conhecemos a Cristina, uma jovem e bela enfermeira de 24 anos. Cris acredita que Adriano (médico que trabalha no mesmo hospital que ela) é o amor de sua vida. Porém, como o próprio título do livro fala, de repente tudo muda na vida de Cristina, e o que ela achava ser a melhor coisa da sua vida torna-se um grande problema. 

No meio de toda essa confusão, surge na vida de Cris o belo e encantador Felipe. E quando ela acredita não ser mais capaz de amar, Felipe mostra que Cristina pode sim ser feliz e amar novamente. 

Ouvi-lo me chamar de “meu amor” fez meu coração derreter e me sentir segura, por alguns instantes me senti corajosa o suficiente para concordar.

Tudo vai muito bem entre Cristina e Felipe, quando mais uma vez o destino aparece querendo mudar tudo na vida de nossa protagonista.


Narrado em primeira pessoa (bem do jeito que gosto) o leitor pode sentir as dores, amores e anseios de Cristina.

E Felipe? Ele é um verdadeiro príncipe na história. Ele ganha Cristina e com certeza ganhou muitas fãs leitoras.

A autora consegue apresentar e desenvolver muitíssimo bem os acontecimentos do enredo, mesmo não utilizando muitas páginas e capítulos longos. E os personagens são bem desenvolvidos e cativantes.

Assim como em Um Ano Sabáticoresenha aqui! —, o livro aborda temas sérios, sendo um deles o estresse pós-traumático.


Aaah! Já estava esquecendo, quando fiz a primeira leitura do livro comentei com a Rê que adorei o fato dela colocar cenas mais quentes, e todas MUITO BEM ESCRITAS!!

Renata Corrêa apresenta para o leitor mais uma obra linda. Cada vez mais a escrita da autora melhora!

Ainda bem que tive coragem todas as vezes que precisei ser corajosa em minha vida. De repente, tudo muda, e a gente percebe que a vida é do jeitinho que um dia sonhamos que seria. Ou ela pode ser até bem melhor.

Bem, vou ficando por aqui! Beijos, até a próxima.


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

De repente, tudo muda
Renata R. Corrêa
Ano: 2018
Páginas: 160
Editora: Pandorga
Sinopse:
O livro De repente, tudo muda, da autora Renata R. Corrêa conta a história de Cristina, uma jovem enfermeira, batalhadora, que lutou para conquistar seus sonhos, é baleada e fica entre a vida e a morte, justamente quando tudo parecia ter entrado nos eixos e havia conhecido o amor verdadeiro.
Ela sobreviverá para desfrutar o que conquistou?
O destino é imprevisível e muitas vezes o mau se sobrepõe ao bem. É preciso ter fé e acreditar que de repente, tudo pode mudar.
Conheça os caminhos que levaram a personagem até o fatídico dia em que foi alvejada.
Uma história sensual e cheia de reviravoltas.


 _____Sobre a Autora_____

Renata R. Corrêa



Mãe, médica, escritora e apaixonada pela literatura romântica!
Pisciana, romântica, dramática e chocólatra assumida. Nasceu no interior de Minas Gerais e mora em Uberlândia-MG, com seu marido e seus filhos.
Ama ler e contar histórias sobre o amor.
Suas narrativas destacam a força da figura feminina. Nelas você vai encontrar muita empatia, força de vontade, fé, esperança e a desconstrução da vida perfeita como nos comerciais de margarina. Se gosta de romances instigantes, que destacam as dificuldades dos relacionamentos, com seus recomeços e a capacidade de se superar, essa é a autora certa para você!