Follow Us @soratemplates

19/09/2020

Resenha :: Anne de Green Gables (HQ)

*recebido em parceria com o Grupo Editorial Coerência


Olá, faroleiros. Venho hoje expressar a minha alegria com a HQ feita pela Epifania Comics, adaptando o livro Anne de Green Gables. Se você ainda não teve o prazer de conhecer esta história, sério, leia, ela é maravilhosa e a escrita da Lucy só a torna ainda mais prazerosa de se ler. E se você tem um filho(a) pequeno (a) e quer lhe despertar o prazer pela leitura, nada melhor que as HQs para isto. Confesso que não assisti a série por saber que ela diverge do livro, então eu amei ter a HQ para visualizar os personagens que tanto amo nesta história.


O Marcio fez uma adaptação maravilhosa para nos apresentar a história de maneira coerente, já que não tem como colocar todo o texto do livro na HQ, ele dividiu a mesma em tópicos, nos apresentando os personagens principais da história, como também os fatos mais importantes que acontecem para nos mostrar, sem que perdesse a beleza e a essência de todo o texto da Lucy. Isso tudo, é claro, na sequência em que ocorre na história original.

Toda vila tem uma fofoqueira de plantão, mas na vila de Avonlea a fofoqueira tem bom coração e se chama Rachel Lynde. É importante prestar atenção nesta personagem, pois ela terá importância em todo o decorrer na história de Anne.

Mas a Sra. Rachel Lynde era uma daquelas criaturas perspicazes que, além de cuidar da própria vida, conseguia ainda se meter na dos outros.

Acredito que o personagem que se torna o coração deste primeiro livro, a quem passamos a dedicar um carinho especial, além é claro da Anne, é o Matthew. Seu coração generoso e sua paciência devida a sua idade, com certeza, além de sua própria personalidade, nos cativam, bem como a Anne, e fazem toda diferença na história. Ele é um personagem que nos mostra o quanto o equilíbrio em tudo na nossa vida é fundamental.

Matthew Cuthbert era um homem desajeitado, com aquele longo cabelo grisalho que alcançava seus ombros curvados e com a barba cheia, marrom e macia, que conservava desde os vinte.


Então temos a Marilla Cuthebert, irmã do Matthew, e, assim como ele, uma pessoa já idosa. Eu me apaixonei por ela. Ela é uma mulher de caráter, firmeza, mas com um bom coração. Podemos até achá-la muito rigorosa com a Anne, mas, como eu disse, é a questão do equilíbrio. Ao conhecermos a história da Anne, vimos que ela precisava de carinho, mas também precisava de direção na sua vida.

Uma sensação agradável e quente invadiu o coração de Marilla, uma amostra da maternidade que ela desconhecia, talvez a doçura daquele sentimento, assim como sua falta de costume em relação a ele, deixava-a perturbada.

Para finalizar as apresentações de destaque temos a Diana Barry, que se torna a melhor amiga de Anne. A amizade das duas é algo especial também nesta história. Mas se você já conhece os livros ou a série deve estar se perguntando: e o Gilbert? Pois bem, a HQ só conta a primeira parte do livro da Anne, temos que aguardar a edição nº 2 para, acredito eu, termos o restante da história. Pense ema uma pessoa que ficou na expectativa.

O autor da adaptação, que é o Marcio Zanini, se baseou na série para desenhar os locais bem como os personagens. Ele fez um trabalho fantástico, que me deixou mais apaixonada ainda pela história. Se você é um serzinho da descendência de José, eu tenho certeza que também irá se apaixonar. Nota 5/5 com um coração, sem dúvida.

A HQ é tão resumida que eu pensava que não teria muito o que escrever nesta resenha... kkkk... Eu não contava com todo o amor que tenho por esta história e seus personagens. Vocês perceberam que nem falei da Anne né?! Mas é que já temos várias resenhas falando sobre ela. Aqui no Clube mesmo temos duas resenhas desta história falando de edições diferentes. Então, caso você ainda não tenho lido e queira ler, temos o link abaixo.

Boa leitura,

Carolina Finco


Nota ::  


 Confira a resenha do livro Anne de Green Gables, clicando aqui.


Informações Técnicas da HQ

Anne de Green Gables (HQ)
L. M. Montgomery
Adaptação: Marcio Zanini
Ano: 2020
Páginas: 112
Editora: Epifania Comics
Sinopse:
Animada, Anne Shirley chega à Ilha do Príncipe Eduardo, onde será adotada por Marilla e Matthew Cuthbert. O que ela não sabe é que os irmãos na verdade desejavam adotar um garoto que pudesse ajudar nos afazeres de Green Gables. A jovem, então, encara o desafio de ajudar no dia a dia daquela família, de modo que os dias se passam repletos de aprendizados para a órfã e o casal de irmãos.
Será Anne, com sua imaginação fértil e peculiar forma de encarar a vida, capaz de conquistar seu lugar em Avonlea? Depois do sucesso da série Anne with an “E”, prepare-se para se divertir com a incrível história de Lucy Maud Montgomery adaptada para os quadrinhos.


Para comprar:


Dinâmica, inovadora, eclética e arrojada, a Editora Coerência já chega ao mercado revelando seu diferencial: a divulgação dos autores nacionais, que têm tanta dificuldade em se fazerem notar.
Criada não apenas para viabilizar a publicação de autores (ainda) não renomados, a Coerência conta com toda uma equipe de revisores, diagramadores, ilustradores, capistas e assessores, que preparam a obra para que esta chegue com qualidade à casa de milhares de leitores em todo o Brasil.
Foi pensando em fazer com que sonhos tivessem vida que a editora-chefe, Lilian Vaccaro, formulou a Coerência, para que se tornasse não mais do mesmo, e sim um lugar onde o autor pode, acima de tudo, se realizar e ganhar experiência no mercado editorial.


Conheça mais sobre o Grupo Editorial Coerência
em seu site e redes sociais:
Site │ Instagram │ Facebook │ Twitter


Conheça mais sobre o selo Epifania Comics:

Um comentário:

  1. Apesar de resumida ela consegue ser ótima pq apresenta o principal, é com certeza uma excelente forma de apresentar a leitura a um publico que ainda não tenha esse habiro.
    Fora que as ilustrações e a edição são mega lindaaaas

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!