Follow Us @soratemplates

13/10/2018

Resenha :: Força e Ternura


Olá faroleiros, tudo certo?? Vamos falar sobre mais um livro maravilhoso publicado pela Pedrazul, e este é muito especial para mim, pois eu tive a oportunidade de lê-lo antes mesmo dele ser publicado, foi minha primeira leitura beta e uma das minhas maiores alegrias como leitora, poder contribuir para construção desta história linda.

A autora é uma daquelas pessoas com quem criamos uma empatia de imediato, sua amizade com minha irmã foi tão forte que conseguiu se estender a mim e a nossa família. Ela é uma pessoa muito querida, além de uma escritora fantástica e por isso ler seus livros é muito fácil, porém é difícil de expressar o quanto suas histórias me emocionam.


Força e Ternura é um romance contemporâneo, escrito de maneira singela, com uma narrativa fluida e rápida, que nos apresenta personagens especiais que nos fazem ficar com aquele gostinho de quero mais.

Mitchell Hugles se tornou um grande empresário no mundo corporativo do aço e em parceria com quatro amigos quer crescer cada vez mais, até que mentiras do passado vêm à tona e ele tem que reavaliar o que realmente importa e principalmente em que ele deve confiar. É neste momento de mudança que ele conhece Rose, uma florista na cidade de Nova York, e se encanta por ela, seu desejo inicial é apenas se livrar de sua ex-noiva, lhe mostrando que já deu a volta por cima, porém ele não poderia imaginar o quanto aquela singela e doce  jovem, tocaria seu coração.

O apelo era grande e o desejo intenso, além da medida do que ele podia suportar, e ele entregou-se ao deleite daquilo que lhe consumia a alma.

Rosamund McNamara era uma jovem com um sonho, plantar e vender flores, e quando surgiu a oportunidade de ter uma sociedade com uma amiga para abrir uma floricultura em na cidade grande, ela não pensou duas vezes, mesmo contra a vontade dos pais, se mudou para Nova York e abriu sua loja, ela só não contava que a sua sócia fosse uma socialite fútil que se entediava fácil de seus projetos e que tudo ficaria nas suas costas. Quando, após dois anos de luta, se vê na iminência de ter que fechar as portas e voltar para casa, o inesperado acontece, um rico empresário aparece em sua loja e resolve lhe propor um acordo de negócios, ela só não imagina o quanto este acordo afetaria seu coração e mudaria todo o seu futuro.

A alegria é tão fugaz quanto uma brisa. Às vezes ela sopra, porém, passa despercebida. Quando o calor sufoca, os problemas ameaçam tragar, sua lembrança vem como nostalgia.

Muitas coisas acontecem entre a história dos dois, principalmente nos apresentando um pouco os amigos de Mitchell e suas vidas, além do que acontece com os personagens secundários. A Chirlei nos coloca para sofrer um pouco durante a história, o que me lembrou bastante a Babi A. Sette, que adora nos deixar com o coração na mão nos perguntando se tudo irá dar certo e aquela vontade de matar o mocinho.

Nunca choverá ternura: se quisermos mais amor teremos que plantar mais afeto.


Teremos então um final maravilhoso e aquele desejo de querer mais histórias dos outros personagens. Por tudo o que este livro representa para mim, pela escrita maravilhosa da Chirlei Wandekoken, seu carinho e confiança, ele tem de mim um lindo coração de favorito. Como uma pessoa apaixonada por romances e leitora desde criança, digo sem sombra de dúvidas que esta história é linda e merece todo meu amor.

Boa leitura,

Carol Finco


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

Força e ternura
Ano: 2018
Páginas: 274
Sinopse:
Ela plantava flores, ele produzia aço. Ele estava ferido, ela sabia curar. 

Mitchell Hugles era conhecido como “o homem de aço”. Ambicioso ao extremo, o empresário de origem pobre orgulhava-se de ter crescido por seus próprios méritos: uma inteligência incomum, que o levou à presidência de uma poderosa organização. Mas enquanto ele produzia o aço que ancorava o mundo, suas próprias bases começaram a ruir. Foi quando ele conheceu Rose, uma simples e pobre florista, cuja alma possuía uma candura capaz de curar.


Editora Pedrazul atualmente é a editora que mais se dedica à tradução e à publicação de obras mundialmente consagradas, algumas ainda desconhecidas no mercado editorial brasileiro, como os autores que influenciaram o estilo da mais famosa escritora inglesa de todos os tempos, Jane Austen. Também atua no segmento romance histórico e de época escritos por autores contemporâneos.


 _____Sobre a Autora_____


Chirlei Wandekoken



Jornalista e pedagoga capixaba, filha de cafeicultores, mudou-se para Vitória aos 15 anos de idade, e desde então começou a construir sua vida. Casada, tem dois filhos (21 e de 18 anos de idade). Isto é o que se percebe em seu primeiro livro, "O Vento de Piedade", publicado pela Editora Saraiva, que conta a história de uma família de um vilarejo no interior de São Paulo. Uma história que começa em 1956 e se estende até 2000, citando vários fatos reais, especialmente os relacionados ao período da ditadura militar brasileira.
O talento profissional nas três áreas (jornalismo, pedagogia e literatura) e sua clara demonstração de que sabe aproveitá-lo muito bem comprovam que Chirley Wandekoken é uma mulher que, mais do que "a diferença", faz a soma.
Estudou na Universidade Federal do Espírito Santo. Atualmente mora em Vitória, Espirito Santo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!