Follow Us @soratemplates

04/12/2017

Resenha :: O Aprendiz (Conjurador #1)


Você já imaginou como seria uma história com uma mistura de Harry Potter, Senhor dos Anéis e Pokémon? Se sim, você está atrasado, porque o Taran Matharu pensou, escreveu e fez sucesso no Wattpad com mais de 6 milhões de leitores acompanhando o desenrolar dessa história do Fletcher e do Ignácio, antes de finalmente ser contratado por uma editora e alcançar muito mais leitores. Mas também com essas referências misturadas ao talento de escrita, não dá para esperar menos. Ele “simplesmente” pegou elementos que isolados se tornariam apenas mais uma história clichê, e criou um universo novo sem esconder suas referências.

(Palmas para ele, agora nenhum leitor inquisitor de referências alheias, poderá queima-lo na fogueira. Ele não as nega, e brinca com elas na sua cara, Rá.)

O maior inimigo de um guerreiro pode ser também seu maior professor.

Mas vamos o que interessa, o universo que foi criado a partir disso, é um livro de fantasia medieval, que grande parte gira em torno de maquinações políticas e uma guerra que está ocorrendo contra os orcs há centenas de anos. O elemento principal desse livro é a existência dos Conjuradores (que existem tanto do lado aliado como no inimigo), eles são aqueles que têm o potencial de conjurar e controlar um demônio do éter (uma espécie de digimundo para os diabretes), mas voltando para Pokémon, eles capturam o seus demônios e eles que são usados na guerra. Para isso existe uma escola que os novos conjuradores são levados para o treinamento, para se tornarem magos de batalha.
                                                        
Essa é a diferença entre um bom guerreiro e um grande guerreiro. Rook se esforçou muito, mas perdeu aquela batalha. Não se esforce apenas. Seja inteligente.

A maioria dos que são capazes de usar esse tipo de poder são os nobres, por ter uma linhagem forte e tal (vocês vão entender melhor lendo), mas existe alguns plebeus que nasceram com esse privilégio. É muito mais complexo que isso, mas pulando para o centro dessa história, temos Fletcher um órfão que foi abandonado em um vilarejo chamado Pelejo e foi criado pelo ferreiro do lugar (então já se tem toda um mistério sobre sua origem), e ao ganhar um livro com um pergaminho conjurador de um mercador, acaba conseguindo conjurar um demônio raro (uma espécie chamada Salamandra, que me parece muito bonitinho em comparação com a da descrição de outras espécies, Ignácio é um amor, gente). Acontecem muitas coisas antes de ele se torna um aprendiz, mas vamos evitar spoilers aqui.

Se não formos capazes de enfrentar as adversidades unidos, então já estamos derrotados.

Uma das coisas muito legais é toda a questão política em relação às diferentes raças como os anões e os elfos, o preconceito de humanos para com eles e vice-versa, e a tentativa de fortalecer essas alianças para lutar a guerra contra os orcs (para quem não estava achando referência a Senhor dos Anéis, olha aí!).

Bom, mas deixando de enrolação, minha opinião é que é um livro muito bom, 5 de 5 estrelas no Skoob e favoritado, e não... não é daqueles livros que não vi problema nenhum. alguns diálogos eu achei muito empurrado, tipo “vamos conversar sobre isso só para conseguir explicar mais o que está acontecendo para quem está lendo, não que faça sentido conversarmos sobre isso”. Mas apesar desses momentos, meu emocional me mandou dar nota máxima e cravar esse livro no meu coração, porque eu adorei esse livro e pronto.

Ah! Não deixando de destacar a capa linda. Eu comprei esse livro pela capa e não me arrependi! Amei demais, ainda vem no final como um extra com assunto de demonologia, uma lista dos demônios apresentados nesse livro, hábitos e pontos fortes de cada uma das espécies, o nível que cada uma tem e etc. (muito Yu-Gi-Oh *-* adoraria ter um jogo de cartas desse livro). Já sei que o segundo livro da série promete focar não mais na escola e no aprendizado, mas acho que chegou a hora de irmos para a guerra, então é melhor começarem a jogar suas Pokébolas e conjurar os seus demônios, porque a resenha de "A Inquisição" está chegando. Leiam!!!

De alguma forma, as palavras que ele tinha deixado não ditas ao longo dos anos eram do que mais se arrependia.


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

O Aprendiz
Conjurador #1
Ano: 2015
Páginas: 350
Editora: Galera Record
Sinopse (Skoob):
Em O aprendiz, primeiro volume da série Conjurador, Fletcher é um órfão de 15 anos e, para sua surpresa, conseguiu invocar um demônio do quinto nível. O problema é que apenas os nobres deveriam ser capazes de conjurar criaturas e usá-las na guerra contra os orcs. 
Mas plebeus como Fletcher também podem ser conjuradores, e o garoto consegue uma vaga na Academia Vocans, uma escola de magos que prepara seus alunos para os campos de batalha. Lá, ele irá enfrentar o bullying dos nobres, mas também aprenderá feitiços e fará amigos incomuns, como anões e elfos. Além de se provar digno de uma boa patente na guerra, Fletcher e seu grupo de segregados precisam se unir e vencer o preconceito que sofrem na desigual sociedade de Hominum. 

17 comentários:

  1. Oi Milly
    Que máximo! Amei saber dessa mistura que parece ter super dado certo. Eu vi uma vez esse livro quando procurava similares de Trono de Vidro na internet. Mas não sabia do que se tratava, agora que sei, quero muito.
    Bjs.

    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que se interessou, eu tenho um amor forte por esse livro, as referências só faz eu gostar mais ❤

      Excluir
  2. Olá, tudo bom?
    Adoro os livros que saem do Watppad, são sempre ótimas histórias.
    Agora estou com uma vibe de ler fantasias, e amo o gênero! Adorei a ideia de misturar três grandes sucessos.
    Com certeza vou dar uma chance ao livro. Adorei a resenha, muito bem escrita!

    Beijos, Ally.
    Amor Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Fico feliz que tenha gostado da resenha, eu amo esse livro e escrevi com todo carinho! E é sempre bom se aventurar por gêneros diferentes, se jogue nesse universo fantástico ❤

      Excluir
  3. Concordo que a capa chama a atenção!
    Mas me dizer que tem referencias de todas essas obras que amo e que o autor ainda brinca com isso vale muito mais!!
    Amei o enredo e já adicionei no skoob!! Tomara que leia em breve :)

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Fico muito feliz que vá ler!! Eu achei que valeu muito a pena! Amei as capas de todos os livros que já foram lançados. ❤

      Excluir
  4. Eitaaa! To cobiçando esse livro a muuuuiiiitooooo tempo! Agora com sua resenha só tenho ainda mais motivos para o ter o mais rápido possível!
    Amei, amei e amei! 5 estrelas para você também!!!

    ResponderExcluir
  5. Oii! Achei o enredo super interessante. Creio que ele conseguiu unir elementos que todo mundo ama e criar algo totalmente original e novo.
    Adorei a capa e fiquei super curiosa para conhecer!! confesso que também compraria só por ela! A resenha está maravilhosa"!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem nunca comprou um livro pela capa que atire a primeira pedra kkk Sim, adoro a mistura de elementos, ainda mais quando o autor fala de suas referências e não esconde. Taran Matharu é incrível nisso💙

      Excluir
  6. Olá! Você me convenceu a ler este livro logo nas primeiras linhas, haha. Já faz um tempão que estou de olho nele (sim, principalmente pela capa :P) por causa da premissa, que achei bem interessante. Enfim, quem sabe agora finalmente eu não consigo dar uma chance? Parabéns pela resenha, adoreeeei.

    https://abducaoliteraria.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 👏👏 Fiquei muito animada em saber que vai ler!! Minha paixão por essa série é verdadeira💙 E difícil não tirar o olho dessa capa linda rs Espero que goste da leitura o tanto que gostei! ❤

      Excluir
  7. Uau! Que demais! Eu já tinha visto esse livro (acho que tem um com a capa verde também não tem?) mas não tinha me interessado tanto, já tinha pego ele nas mãos mas não comprei. Agora estou arrependida. Quero muito e já vou adiciona-lo aos desejados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Devia ter comprado!!! Kkk Eu gostei muito, espero se lê você goste tanto quanto eu!❤ Sim, o da capa verde e o segundo livro da série, logo, logo eu resenhou aqui ❤

      Excluir
  8. Milly querida, você sabe o quanto amo suas resenhas e admiro seu trabalho!! Eu só não digo que vou pegar o livro pra ler porque tem continuação. Então vou espera sua próxima resenha pra decidir!! Beijos = ) . Elisabete Blog Pretenses

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu as suas e seu trabalho ❤ Pois é, eu que sou a louca das sagas incompletas! Kk Mas spoiler da próxima resenha: O segundo livro tbm é maravilhoso 😂😂❤

      Excluir
  9. Oiie
    Uau, adorei a premissa. Adoro HP e Pokémon, ainda não li nem assisti O senhor dos anéis mas pretendo kkk Adorei a resenha, acredito que posso gostar muito desse livro. Já anotei aqui. Que bom que gostou da leitura.
    Bjos, Bya! 💋

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amo essas três referências, e juntas eu me encantei mais ainda ❤ O senhor dos anéis eu só assistir, mas pretendo ler logo ❤ Espero que goste se ler :)

      Excluir

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!