Follow Us @soratemplates

07/07/2018

Resenha :: Surpreendente!


Surpreendente! é um livro que faz a gente pensar, por ser um recorte da vida e não apenas um momento ou situação. Que fala sobre sentimentos, emoções e destino. Também me fez pensar sobre como amizade e lealdade não estão separadas.

"No cinema tudo é possível, e o improvável, como os milagres que as pessoas passam a vida pedindo e quase nunca alcançam, depende apenas das decisões tomadas pelo roteirista. Mas a vida das pessoas reais não é cinema, e tampouco teria de ser diferente com a vida de alguém que dedicou cada um de seus melhores momentos a transformá-los em um belo filme."

Pedro Diniz tem um desafio: filmar um roteiro magnífico capaz de surpreender o público e conquistar o prêmio mais importante do cinema brasileiro. O problema? Não ter a menor ideia de como fazer isso.

Aos 25 anos é recém-formado e diagnosticado na adolescência com uma doença degenerativa que o condenaria à cegueira, porém a perda de sua visão estaciona de forma inexplicável. E, assim como Pedro, não sou boa para lidar com perdas e despedidas de qualquer natureza. Mas tenho aprendido a conviver com as dores que nunca irão embora e com o inevitável. Afinal, às vezes, estar vivo já é, por si, um milagre, e nossa vida parece ser viver esse milagre todos os dias.

"— A gente precisa correr certos riscos na vida. E lembre-se de que ela é feita de um monte de momentos esquecíveis, alternados por pouquíssimos inesquecíveis."

Pedro um grande otimista, planeja seu próximo filme e nesse contexto, conhece a intrigante Cristal, uma ruivinha decidida, garçonete e estudante de física nuclear, que mexe com seu coração. Mas, talvez, devemos aprender que não é a luz que espanta os monstros no escuro. Ela só revela aquilo que deveríamos sempre ter sabido: eles nunca estiveram lá.

Sua vida muda após uma série de problemas que se somaram: O fechamento do último Cineclube que ele lutava para manter em São Paulo, a violência urbana, brigas e segredos na sua família e seu problema de saúde. Então ele decide partir com os amigos Fit, Mayla e Cristal numa longa viagem até Pirenópolis, em Goiás. Com câmeras nas mãos e espírito de aventura, vão dispostos a usar toda a sua criatividade na filmagem, e assim partem num Opalão ao sabor de encontros e de vários sentimentos inesperados.

"— Compreender o mundo é tarefa complicada para qualquer pessoa, enxergue ela ou não. Então você não está melhor nem pior que ninguém. E lembre-se: Muita gente vê tudo, mas não enxerga nada." 

E eu, enquanto lia já estava há algumas páginas em lágrimas mesmo antes de tudo deixar de ser azul. Antes mesmo do jovem cineasta descobrir que, quando o destino foge do script, nada supera o apoio de grandes e verdadeiros amigos. 

Sem dúvida um dos melhores livros que li e o fato de ser nacional só me enche de orgulho. Cada leitor precisa ser mais um passageiro nessa viagem, para poder fazer as suas próprias descobertas e talvez se perder, para poder se reencontrar.


Nota ::  


Informações Técnicas do livro

Surpreendente!
Ano: 2015
Páginas: 272
Editora: Intrínseca
Sinopse (Skoob):
Pedro Diniz tem um desafio e um problema pela frente.
O desafio: filmar um roteiro magnífico capaz de surpreender o público e conquistar o prêmio mais importante do cinema brasileiro.
O problema: não ter a menor ideia de como fazer isso.
Aos 25 anos, recém-formado, Pedro está convencido de que é um sujeito muito especial, que tem a missão de usar o cinema como instrumento para melhorar o mundo. Diagnosticado na adolescência com uma doença degenerativa que o condenaria à cegueira, ele contraria a lógica da medicina quando a perda de sua visão estaciona de forma inexplicável. Enquanto comanda o último cineclube de São Paulo e trabalha em uma videolocadora na periferia, Pedro planeja seu próximo filme - a obra que vai consagrá-lo. E, para animar as coisas, conhece a intrigante Cristal, uma ruivinha decidida, garçonete e estudante de física nuclear, que mexe com seu coração.
A perspectiva idealista de Pedro, porém, sofre sérios abalos. Atormentado por um segredo, ele parte com os amigos Fit, Mayla e Cristal numa longa viagem até Pirenópolis, em Goiás, a bordo de um Opala envenenado. Com câmeras nas mãos e espírito de aventura, a equipe técnica improvisada está disposta a usar toda a sua criatividade na filmagem, feita na estrada ao sabor de encontros inesperados e de sentimentos imprevisíveis. E o jovem cineasta descobre que, quando o destino foge do script, nada supera o apoio de grandes amigos.



 _____Sobre o Autor_____ 

Maurício Gomyde


Maurício Gomyde nasceu em São Paulo e desde os três anos de idade vive em Brasília - "disparado a cidade mais bonita do mundo". Surpreendente! é seu sexto romance. Além de escritor, ele também é compositor e baterista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!