Follow Us @soratemplates

06/02/2019

Resenha :: Caçadora de Estrelas (2ª Versão)


*Resenha originalmente feita para o blog Ler Para Divertir.

Bem, Caçadora de Estrelas foi publicado em 2016 de maneira independente pela Amazon (confira a resenha da antiga versão, clicando aqui). Essa primeira versão ficou por muito tempo no top da Amazon e até saiu na lista de e-books da Veja.

Sendo assim, a Editora Verus ouviu os fãs e publicou em 2018 a versão física e modificada da obra. Poderia falar que a segunda versão foi uma releitura, mas como mais de 50% do conteúdo do livro foi mudada, posso falar que Caçadora de EstrelasEditora Verus é um NOVO LIVRO

Vamos combinar assim, irei fazer a resenha da nova versão e falar um pouco sobre as mudanças sem dar spoiler. Okay? 


Em Caçadora de Estrelas, iremos conhecer Eva Marinho. Ela é bem maluquinha e imatura no começo da história. Na verdade, ela é meio egoísta. Eva é romântica e inconsequente, tudo isso fruto de uma promessa que vez à mãe: Encontrar sua estrela.

Ela então abandona tudo e todos e vai para Londres viver um romance, maaaaaaaas acaba que “dá ruim” e Evinha volta com o rabinho entre as pernas, Só que as coisas em Santos mudaram. Eva agora tem “novas irmãs”, pois seu pai se casou. Tudo esta bem diferente... Até seu gato Cupido a trocou por Gabriel (melhor amigo de Eva.). Falando em Gabriel, ele agora namora Alice, uma das novas irmãs de Eva.

Mesmo sendo mimada, egoísta, Eva é forte e determinada. Sua vida é para cumprir a promessa que fez a mãe. Eva não é mais uma adolescente, entretanto se comporta com uma em inúmeras situações. Isto se dá ao fato de que desde que perdeu sua mãe, todos a colocaram em uma bolha. PRESTA ATENÇÃO! NÃO ESTOU JUSTIFICANDO AS ATITUDES IMATURAS DE EVA.

Mas quer saber? Quem não tem seus momentos de egoísmo ou imaturidade não é mesmo? Seja honesto! Com todos seus defeitos, Eva é engraçada (um verdadeiro imã para problemas e confusões), irônica e, se o leitor deixar, aos poucos ela vai ganhando nosso coração. 

Assim como na primeira versão, Eva é IGNORADA por todos na virada do ano. Até que encontra um ex-namorado — Benjamin.

Ninguém, absolutamente ninguém, sequer me olha quando a meia-noite é anunciada. Estão todos muito ocupados assistindo à queima de fogos, rindo, bebendo e festejando sem me incluir. — Eva

Gab e Eva são amigos desde sempre. Eles estavam lá um para o outro nos melhores e piores momentos da vida. O que Eva não sabia era que a vida toda Gabriel foi apaixonado por ela. Um amor maior que tudo. Só que tudo pode mudar nas nossas vidas, e o cara que sempre foi o ombro amigo, o que fazia tudo por ela, agora estava feliz namorando a “irmã” de Eva. E digamos que Eva não aceita muito bem — nada bem, o namoro do amigo. 

Minha garota está chorando. Fico tão espantado que não consigo sair do lugar. Eva não chora, nunca. Ela apenas se destrói, mas nunca, nunca, chora. (...) Eu me sinto culpado por cada maldita lágrima que ela limpa das bochechas rosadas, porque sei que poderia tê-las impedido de cair, como sempre fiz. — Gabriel.

O que mais gosto na escrita da Raiza é que ela vai alternando a narrativa. Ora temos Eva narrando, ora Gabriel. Gosto muito de ver a reação deles de acordo com os acontecimentos da trama. 

Temos um Benjamin (Ben) muito disposto a reconquistar Eva, mesmo com Gabs deixando claro que é para ele ficar longe dela. O que parece ser um acaso, passa a gerar novos sentimentos no coração de Eva. 

Eva fica dividida entre esse novo sentimento e uma notícia que coloca todo seu egoísmo, imaturidade e irracionalidade no chão.


Pronto. É a partir daí que as mudanças começaram — e que mudanças! Eva percebe que precisa amadurecer ao descobrir certas coisas, pois apenas assim conseguirá lidar com as mudanças que estão por vir. 

Calma, calma. Eva não dorme imatura e BUM! Em um passe de mágica acorda madura e tal. Não, não, seu amadurecimento é gradual. 

Já conhecia a história então fui lendo esperando o baque, esperando aquele momento em que tudo ia dar muito errado. Já que foi assim na primeira versão. Mas não, o baque não veio de uma vez, ele veio de burrinho bem lentinho, de maneira a quebrar mais meu pobre coraçãozinho — DRAMA AQUI!! 

No meu humilde ponto de vista, a nova versão de Caçadora é mais justa com todos os personagens. Pois eles não mereciam o final que tiveram na primeira versão. Como na primeira versão, os personagens são magnificamente bem construídos, só que, na nova versão não só os personagens estão bem construídos, mas toda a relação familiar. 

No geral, a primeira versão é mais impactante que a segunda. Vou explicar o motivo: na primeira versão você sofre de uma vez, já na segunda vai aos poucos. 


Definitivamente amei este novo final, a nova história de Eva e Gabs. É lindo de se ver como o amor pode nos fazer fortes. O amadurecimento da Eva é palpável e a superação dos personagens é a principal moral da história. 

Mesmo com as mudanças fica a lição da primeira: “Caçadora de Estrelas é um livro único! Especial! Com uma história linda cheia de surpresas. Mas também é soco no estômago e uma mensagem de vida. Uma mensagem sobre amor, companheirismo, superação e acima de tudo lealdade!” 

Parabéns a Editora Verus pela linda diagramação e capa. Finalizo a resenha de hoje mais que indicando a leitura da nova versão de CAÇADORA DE ESTRELAS.


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

Caçadora de Estrelas
Ano: 2018
Páginas: 448 
Editora: Verus
Sinopse:
Romance de Raiza Varella que figurou na lista de e-books da revista Veja.
Após flagrar o namorado com outro cara (e ele ainda tem um gosto para homens melhor que o seu!), Eva se arrepende de ter abandonado a família, o gato, o emprego, os amigos e até o país para segui-lo. Com um mau humor feroz de quem acaba de ser traída e sem um tostão no bolso, ela decide que é hora de voltar para casa. Embora a vida em casa esteja bem diferente do que ela se lembrava, Eva é obrigada a seguir em frente e lidar com a situação como uma mulher adulta. Mas o destino lhe prepara uma nova surpresa: um amor proibido. Será Eva corajosa o suficiente para lidar com mais um coração partido, mesmo que seja pela estrela mais brilhante do céu?

Onde comprar: Amazon 

Um comentário:

  1. Ahhh como eu amo esse livro! A capa é linda, a história é incrível e a autora é uma fofa <3

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!