Follow Us @soratemplates

04/07/2020

Resenha :: Simplesmente Irresistível


Este livro foi muito bom e me surpreendeu um bocado. Logo de início conhecemos Georgeanne, que aos nove anos descobriu que jamais seria brilhante, pois a dislexia a fazia muito diferente das outras crianças. E então a sua avó a criou para ser uma pessoa adorável, mas que sempre dependeria de alguém, de preferência de um marido. Foi matriculada em cursos de balé, etiqueta, culinária decoração, etc... Tudo para suprir e esconder suas dificuldades que eram o seu maior segredo.

E Georgeanne acreditava que casar-se com um homem que pudesse sustenta-la seria a sua única saída. Mas daí a se casar com o atual noivo que tem idade para ser o seu avô, não está dando certo, essa não podia ser a sua única saída, ela entra em pânico e foge do próprio casamento, deixando o noivo no altar.


Em sua fuga ela se depara com John Kowalsky, um astro do hóquei que acaba aceitando lhe dar carona, mas quando em seu desabafo Georgeanne acaba falando que está fugindo de seu casamento, e que John percebe que está ajudando na fuga da noiva de seu chefe e dono do time em que trabalha, ele tenta se livrar dela. Mas como resistir a ajudar essa linda dama sedutora em perigo? Então, a contragosto, acaba a ajudando com a carona e um lugar para ficar, desde que o seu chefe não descubra e sua carreira vá pelo brejo.

Georgeanne sempre usou a sedução para conseguir o que quer, mas com John não está sendo fácil, ele é grosso, estúpido e vive bebendo. Mas ele não é de ferro e eles acabam tendo uma noite de sexo selvagem, e na manhã seguinte volta a ser o imbecil de sempre e parte o coração da garota, deixando-a sozinha na calçada do aeroporto com uma passagem para o Texas.

Ele sorriu e antes que Georgeanne gritasse, moveu-se como o atleta que era e bloqueou-a com o corpo, derrubando-a no chão. Ela deixou a areia cair, piscou e olhou para aquele rosto a apenas alguns centímetros do seu.
— Qual o problema com você? — perguntou John, demonstrando mais espanto do que raiva. Uma mecha escura de cabelo caiu sobre sua testa, tocando a cicatriz da sobrancelha.

Sete anos depois Georgeanne está totalmente modificada, sofreu muito, mas deu a volta por cima. Como sempre foi uma esplêndida cozinheira, acaba se empregando e virando sócia de um Buffet organizando festas, e ganhou a sua tão sonhada independência. John também mudou muito, ficou mais maduro, com uma carreira brilhante e parou de beber e tem pensado muito em ter filhos. E em uma obra do destino, John reencontra Georgeanne e ele descobre que eles têm uma coisa em comum, uma filha.

Ele tentou parecer chocado.
— Você não acredita no coelhinho da páscoa?
— Não.
— Por que não?
Lexie olhou como se ele fosse um idiota.
— Porque os coelhos possuem patas pequenas e não conseguem pintar ovos.
— Ah, é verdade...
Novamente, ficou impressionado com a lógica dos seis anos dela.
— Então, aposto que você é muito velha para acreditar em Papai Noel?
Ela engasgou, escandalizada.
— Mas Papai Noel é de verdade, ora!

Lexie (que é uma fofa completamente apaixonante) é uma tagarela de seis anos que foi escondida pela mãe por todos esses anos. E ele quer a todo custo recuperar este tempo perdido. Então começa um relacionamento conturbado, cheio de desentendimentos, eles não se suportam, mas terão que aprender a conviver juntos pelo bem de Lexie.

Georgeanne ajeitou vários cachos do cabelo de Lexie atrás dos ombros dela. Queria pegar a filha e abraçar bem apertado.
— Se me der um pouquinho de dengo, deixo-a em paz. — disse.
Lexie virou-se automaticamente, ergueu o rosto e enrugou os lábios vermelho escuro.
Georgeanne beijou-a e segurou o queixo dela na palma de sua mão.
— Andou usando o meu batom de novo?
— Não, mamãe esse é o meu.

O livro é clichê e bem previsível, mas isso não tira o charme e o encanto da história. Este livro é exatamente do jeito que gosto, um romance com um toque de humor, que não te deixa desgrudar até a última página, e com um final simplesmente irresistível. E realmente não resisti e devorei o livro em menos de 24hrs (o que, quem me conhece sabe, é muuuito raro).


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

Simplesmente Irresistível
Ano: 2013
Páginas: 392
Sinopse:
Cheia de romantismo, humor e picardia, esta história da inigualável Rachel Gibson começa com o casamento, no Texas, da recém-formada Georgeanne com o milionário Virgil, um homem três vezes mais velho que ela. Os únicos talentos de Georgeanne são cozinhar e falar muito, mas o que Virgil realmente aprecia nela é o corpo curvilíneo e perfeito.
Percebendo que não é capaz de desposar um homem com idade para ser seu avô, Georgeanne larga o noivo no altar e foge com o astro do hóquei John Kowalsky, que joga no time do qual Virgil é proprietário. John não faz ideia da encrenca em que se meteu, e só percebe que está ajudando a noiva do seu chefe quando já é tarde demais. Uma longa noite se estende diante deles, e nenhum dos dois resiste à tentação de passá-la juntos. Mas, no dia seguinte, John dispensa Georgeanne para não comprometer sua carreira, deixando-a com o coração partido e sem rumo.
Sete anos depois, os dois se encontram novamente. Georgeanne é sócia numa empresa de catering em seattle e ele deixou os dias de rebeldia para trás. Outra surpresa aguarda John: ele descobre que aquela noite de amor produziu uma filha adorável e incorrigível, de cuja vida ele quer fazer parte. A paixão por Georgeanne renasce; mas será que ele vai se arriscar, novamente, a incorrer na cólera do seu patrão? Ela, vai aceitá-lo, depois de ter levado um fora dele?
Diversão garantida também é o romance de Mae e Hugh, amigos dos protagonistas, nesta trama hilária, cheia de personagens impagáveis, de uma das autoras mais lidas e apreciadas da atualidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!