Follow Us @soratemplates

17/10/2020

Resenha :: A Adorável Loja de Chocolates de Paris


Olá, faroleiros. Venho escrever sobre mais um livro da coleção Romances de Hoje que li. Confesso que tenho saído da minha zona de conforto literária com estes livros, talvez por me lembrarem muito a realidade, ao invés de uma simples ficção, mas, com certeza, por serem histórias que mesmo sendo tão diferentes entre si, o enredo de certa forma é o mesmo. Uma mulher na faixa dos trintas, que sofre com algo, forte o bastante para fazê-la tomar a decisão de dar um rumo diferente na sua vida.

 

Eu as acho extremamente chatas no início e um pouco durante a história e, por ter dificuldade de criar empatia com a personagem, o início do livro sempre me trava, mas ao longo da história vou me divertindo e tendo um final de leitura agradável e satisfatório. Mas talvez o que mais tem dificultado a minha leitura nestes livros é que o “romance” em si passa bem longe do enredo da história... kkkkk... Confesso que sou uma leitora romântica de carteirinha e todo livro, inclusive nos de fantasia e aventura, meu coração torce pelo casal que eu gosto. Minha irmã já riu muito por isso comigo.



Mas então você pode estar se perguntando por que eu ainda insisto em ler este tipo de livro, e eu respondo que eles trazem lições maravilhosas para a nossa vida e é sempre bom sair da nossa zona de conforto por algo que irá nos acrescentar algo de bom. A lição de aceitação e perdão que este livro traz é maravilhosa. Sem falar de todo empoderamento feminino que estes livros abordam.


– Querida você sabe que não gosto de dar conselhos.

– Eu sei. E agradeço. A mamãe dá conselhos suficientes por vocês dois.

Ele sorriu, um pouco triste.

– Sinceramente, querida, na sua idade, a oportunidade de conhecer um lugar diferente, viver em outro país, mesmo que só por um tempo... eu iria sem nem pensar duas vezes. Acho que você seria doida se não fizesse o mesmo.


Após sofrer um grave acidente de trabalho, Anna Trent se vê desempregada, deprimida e sem rumo. Sentindo muita pena de si mesma, ao mesmo tempo em que se sente uma fraude por estar sofrendo. Só que ela não imagina que o período em que ela ficou internada no hospital, ao lado de sua antiga professora de francês, fosse lhe dar tão novos rumos para seguir.


A lacuna entre o que eu fazia e o que eles faziam ali era como a diferença entre um foguete de brinquedo de material reciclado e a missão da Nasa em Marte. Então decidiu que era melhor manter a boca fechada. Pelo menos até conseguir enchê-la com mais um bocado daquele chocolate incrível. Em segredo.


Seguindo a indicação e ajuda de sua professora, Anna se muda para Paris para trabalhar em uma loja de chocolate artesanal. Para ela foi como entrar em um outro mundo. O desenrolar da história a partir deste momento foi, para mim, o ponto de partida para permanecer lendo o livro.

 

Outro personagem principal que temos neste livro é a Clare, a professora de francês, que está com câncer terminal e que tem a história do seu passado contada intercaladamente com a história no presente e nos faz entender o porquê ela quis ajudar tanto a Anna.

 

Os personagens secundários são outro ponto especial neste livro e fundamentais para o desenrolar desta história. Gostei muito da elaboração de cada um pela autora, em especial o pai da Anne e o seu companheiro de casa e amigo. Também amei a forma como a autora desenvolveu a história, bem como todos os detalhes sobre o processo na fabricação de um verdadeiro chocolate artesanal.



Preciso confessar que devido a esta minha dificuldade com este tipo de história eu não consegui ler este livro no e-book que ganhei, apesar de estar maravilhoso, precisei pegar o livro físico com minha irmã emprestado para lê-lo. Vocês também sentem dificuldades com determinadas leituras em e-book? Depois que engatei na leitura o li todo em uma tarde. A escrita da Jenny é ótima e a história foi muito boa, com um final marcante. Me diverti muito com algumas cenas, mas não chorei desta vez como nas leituras anteriores. Realmente indico este livro e, se você for como eu, persista na leitura até o final, você não irá se arrepender. Dou nota 4/5.

 

Devo acrescentar que estou amando as capas dos livros desta coleção. A Arqueiro está de parabéns neste quesito, mas sinto falta de um glossário. Há muitas falas em francês que, apesar de não estragar o entendimento na leitura, eu gostaria de saber o significado sem precisar procurar o tradutor do Google.

 

Boa leitura e até a próxima.

 

Carolina Finco



Nota :: 


Informações Técnicas do livro

A Adorável Loja de Chocolates de Paris

Jenny Colgan

Ano: 2020

Páginas: 320

Editora: Arqueiro

Sinopse:

Sim, é verdade que Anna Trent é supervisora numa fábrica de chocolate. Mas isso não quer dizer que ela saiba fazer chocolate. Por isso, quando um acidente muda sua vida e Anna tem a chance de ir trabalhar numa tradicional loja em Paris, ela tem certeza de que vão descobrir que é uma fraude.

Afinal, existe uma diferença muito grande entre o chocolate industrial da sua cidade natal, no norte da Inglaterra, e as criações feitas à mão, com ingredientes da melhor procedência, pelo grande chocolatier Thierry Girard.

Mas com um pouco de sorte, muita paciência e a ajuda dos novos amigos, o exuberante Sami e o galanteador Frédéric, Anna vai descobrir mais sobre o verdadeiro chocolate – e sobre si mesma – do que jamais sonhou.

Cheio de lições de esperança, engraçado e irresistivelmente viciante, A adorável loja de chocolates de Paris é um romance delicioso que nos lembra que sempre vale a pena lutar pelas coisas mais doces da vida.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!