Follow Us @soratemplates

16/02/2021

Resenha :: Nosso Amor de Ontem

*recebido em parceria com o Grupo Editorial Coerência

Olá, pessoas, tudo bem? Esse foi um livro recebido em parceria com a Editora Coerência. Confesso que a capa e sinopse já haviam me chamado atenção, mas não me preparado para o que ia encontrar nessa história.

 

Essa não é apenas uma história sobre romance, e sim uma celebração às diversas formas de amor, e também, como não poderia deixar de ser, uma nota sobre as pessoas que não sabem amar. Dito isso, começo dizendo que vamos conhecer Amélia, que primeiro descobriu que a própria mãe, Eloá, era alguém que não sabia amar, que a deixou sem olhar para trás aos cuidados da tia. Que lhe dedicou todo o amor e a própria vida, sendo assim mais que tia Elisa, mas também mãe e amiga.



Com uma narrativa em terceira pessoa, vamos conhecendo o que acontece com Elisa e Amélia, além de também conhecermos um pouco sobre a vida de Beatriz, seu marido Gustavo e seu filho a quem carinhosamente chamava de Guga. Afinal, quando Amélia trabalhava meio período na creche da escola, onde a tia lecionava, e ainda estagiava para o seu curso de Nutrição em um restaurante, recebeu o convite para ser babá nos finais de semana na casa de Guga, um de seus alunos da creche, cuja mãe Beatriz lutava contra um câncer. E não deixamos de saber alguns acontecimentos futuros com pequenos spoilers dados pelo narrador.

 

Viva a sua vida. Estude, assista às aulas com atenção. Se tiver que dar certo, dará. Se ele vir o quanto está perdendo, é possível que busque melhorar. Se não... bem, nesse caso, sei que você não vai desejar estar com uma pessoa como ele.


Toda a trama acaba sendo uma visão criativa sobre a vida e os diferentes amores que nos cercam e como lidamos com as surpresas que a vida nos oferece ao longo do caminho. Eu curti que a autora foi criando uma linha onde as vidas se cruzavam e se encontravam em vários momentos até caminharem em paralelo. O que faz com que a vontade de ler, até chegar nesses encontros, ansiando por esse entrelace, seja feito em um ritmo de leitura até intenso.



A autora tem uma maneira de contar a história que vai te prendendo, te fazendo se encantar com as histórias em um crescente, porém, mesmo com essa fluidez, algumas vezes eu me senti um tanto cansada com o excesso de descrição ou mesmo repetição de algumas informações, que para a história no geral me pareceram desnecessárias, mesmo entendendo a ideia da autora em escreve-las.


Foi com o coração transbordando um misto de saudade, amor e gratidão que convenceu Elisa a seguir seus sonhos e a se entregar ao amor.


Os personagens são um grande trunfo da autora, eles são bem desenvolvidos e despertam tanto a torcida, quando empatia e até mesmo desprezo. O que só pode depor a favor do modo como a autora nos apresenta, sendo cada um deles bem diferenciados entre si, facilitando com que não nos percamos durante a leitura. Porque mesmo sem ler o nome nós saberíamos exatamente qual personagem teria aquela atitude. Além de que temos, além das relações familiares e amorosas, aquelas que conquistamos durante a vida, as amizades. E como é maravilhoso ir conhecendo e reconhecendo esse tipo de amor, que existe apesar de tudo! Dos defeitos, das qualidades e que simplesmente existe em uma troca de afeição e confiança.



Eu gostei muito, durante a leitura, como a linguagem vai mudando de acordo com a idade e situações dos personagens. Deixando a história no tom certo para os diversos momentos, mas em algumas situações talvez um pouco formal demais, afinal quem deixaria de apreciar um bumbum para observar glúteos? Mas nada que tenha interferido na leitura de um modo geral. Assim como os diálogos eram do tamanho exato para o tipo de conversa que estava acontecendo, nem longos ou curtos demais e ainda com a capacidade de demonstrar as emoções que os personagens iam experimentando durante a conversa.

 

Nunca pensara que encontraria um amor tão verdadeiro àquela altura da vida. Jamais sonhou que seria amada de maneira tão apaixonada.


E assim quando Amélia e Guga se reencontram, além de começarmos a descobrir como foi sua vida até aquele momento, começamos uma torcida imediata para que ele possa ser aquele que vai devolver a alegria do amor ao coração de Amélia e que ela possa fazê-lo viver o amor que tanto ansiou por todos esses anos. Descobrindo assim que saber envolve também deixar alguém te amar. E que existe dois pesos e duas medidas para a sociedade quando se trata da diferença entre as idades do casal, assunto que foi tratado de uma forma muito bonita durante a história, afinal será que existe idade para amar?

 

Nos levando assim a nos apaixonarmos por uma história sem perfeição, mas com toda a beleza das imperfeições de uma vida que foi vivida, permitindo experimentar o amor em todas as suas formas, até finalmente encontrar aquele amor com gosto de primeira vez, por ser diferente de todas as outras e que tanto dá segurança quanto tira o controle dos acontecimentos e faz o coração bater em um ritmo diferente, por saber que a vida nunca mais será a mesma depois de dizer sim a ele.



Sobre a edição: uma capa muito bonita com uma encadernação de qualidade, impressão impecável e diagramação com papel e fonte que facilitam a leitura. Não observei nenhum erro de ortografia ou digitação. Boa leitura e divirta-se.




Informações Técnicas do livro

Nosso Amor de Ontem

Eliana Portella

Ano: 2020

Páginas: 366

Editora: Coerência

Sinopse:

Amélia pensava que a felicidade era calmaria. E, ao lado de seu melhor amigo, levava uma vida tranquila. Ela acreditava que contentar-se com uma relação terna era o melhor que poderia viver. Mas, uma reviravolta ruiu seu alicerce, despedaçou seu coração e desafiou-a a recomeçar.

Guga foi criado em um lar onde a paixão não era presente e assistiu a grande mulher que o trouxe ao mundo, sucumbir ao último sopro de vida, mas não sem antes ensiná-lo a acreditar no amor e na alegria de viver.

Passado e presente se encontram. Será que o melhor ficou para o final?



Para comprar:

 Livro Físico


Dinâmica, inovadora, eclética e arrojada, a Editora Coerência já chega ao mercado revelando seu diferencial: a divulgação dos autores nacionais, que têm tanta dificuldade em se fazerem notar.
Criada não apenas para viabilizar a publicação de autores (ainda) não renomados, a Coerência conta com toda uma equipe de revisores, diagramadores, ilustradores, capistas e assessores, que preparam a obra para que esta chegue com qualidade à casa de milhares de leitores em todo o Brasil.
Foi pensando em fazer com que sonhos tivessem vida que a editora-chefe, Lilian Vaccaro, formulou a Coerência, para que se tornasse não mais do mesmo, e sim um lugar onde o autor pode, acima de tudo, se realizar e ganhar experiência no mercado editorial.


Conheça mais sobre o Grupo Editorial Coerência
em seu site e redes sociais:

Site │ Instagram │ Facebook │ Twitter


Um comentário:

  1. É sempre um privilégio receber uma resenha, uma lembrança boa de que o livro foi lido até o final. E não foi apenas uma leitura, foi uma entrega, um envolvimento com a história, uma comunhão entre o leitor e o universo criado dentro das páginas. E como autora apaixonada pela magia de contar histórias que nascem aqui dentro, da cabeça e do coração, poder dividi-las é a realização de um sonho.
    Resenha incrível, autêntica, escrita com capricho e sentimento. Adorei!
    Gratidão imensurável!
    Um beijo cheio de carinho.

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!