Mostrando postagens com marcador Romance Policial. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Romance Policial. Mostrar todas as postagens

17 julho, 2022

Resenha :: O Silêncio da Cidade Branca

julho 17, 2022 0 Comentários



Aqui acaba a sua caça, aqui começa a minha.

 

Eu realmente não leio livros de suspense com muita frequência, então no final de cada leitura eu sempre fico com aquele pensamento: será que é uma obra prima do gênero ou algo apenas bom, que não sei diferenciar por não ser especialista? Mas vamos lá, caros leitores, eu não sou especialista nem nos gêneros que leio constantemente, sou apenas uma leitora que tem muito o que falar, ou escrever no caso. Mas chega de suspense (piadinha), vamos ao livro.

20 junho, 2022

Resenha :: Um Sinal dos Céus

junho 20, 2022 0 Comentários



Olá, faroleiros. Para todos que me conhecem, nem que seja apenas no virtual, não é novidade alguma que sou apaixonada pela escrita da Nora Roberts, mesmo quando não gosto muito de alguma história, o livro é bom e a leitura também é, lógico que tem alguns (2%) no total de livros escrito por ela que não tive vontade de reler, mais de uma vez. Tenho todos os livros dela publicados no Brasil e, graças ao mundo digital, alguns ebooks de histórias publicadas em Portugal. Mas, para minha eterna felicidade, a Bertrand tem publicado não apenas os lançamentos da Diva, como também alguns livros antigos que ainda não haviam sido publicados no Brasil e este é o caso desta história, publicada em 2006 nos Estados Unidos.

09 novembro, 2021

16 dezembro, 2020

Resenha :: Um Estudo em Vermelho

dezembro 16, 2020 0 Comentários

Durante muito tempo, eu tive medo de ler os livros de Sherlock Holmes por ser apaixonada pelos seriados, sejam do próprio Sherlock ou baseado nesse personagem que ganhou vida própria tamanho fascínio que exerceu sobre os leitores de todos os tempos, seja pela genialidade de seu criador. Mas fui instigada a ler e minha paixão passou a ser estendida aos livros. 

02 dezembro, 2020

Resenha :: Último Suspiro

dezembro 02, 2020 0 Comentários

Sinop é uma cidadezinha pacata do interior do Mato Grosso. Nela mora Louise, uma jovem trabalhadora que toca a empresa do pai após sua morte. Distanciada e silenciosa, nada acontece em Sinop.

Louise conhece Arthur, um homem de meia idade, que está passeando pela cidade. Tão logo Louise termina seu namoro com Victor, ela se vê envolvida em Arthur. E nem percebe que um assassino está solto na cidade onde mora.

17 setembro, 2020

11 junho, 2020

Resenha :: Mistérios e Cupcakes

junho 11, 2020 2 Comentários
*recebido em parceria com o Grupo Editorial Coerência

Olá, faroleiros! Desde que passei a ir a atividades literárias no meu estado, passei a conhecer muito mais autores nacionais e a dar mais valor e oportunidade à literatura nacional. Tenho tido a oportunidade de conhecer autores maravilhosos e o prazer de ler seus livros. Com a iniciativa de fazer resenhas literárias, esta oportunidade para ler livros de autores nacionais só cresceu e é muito bom poder falar bem de um livro que lemos.


Em parceria com a Editora Coerência, eu recebi do Clube o livro Mistérios e Cupcakes. Este livro é a publicação única de três contos que formam uma série da autora: Um Mistério Entre Nós, A Volta do Mistério e O Mistério Final. Eu comecei a amar o livro neste ponto, fez uma diferença maravilhosa poder ler os contos em sequência, mesmo que cada conto tenha um final satisfatório, porém fica aquele gancho, aquele questionamento que você só tem a resposta no conto seguinte.


A personagem central, podemos assim dizer, desta série é a Luiza. Ela é uma jornalista e escreve matérias para o jornal sobre assuntos de negócios, porém seu sonho é escrever matérias policiais. Todos os seus problemas e mudanças na sua vida têm início quando ao entrevistar um dos donos de uma rede de lojas de cupcakes, que está fazendo o maior sucesso em São Paulo, ela recolhe um bilhete ao final da entrevista que o Nicolas perdeu e resolve, como diz o ditado, colocar a carroça na frente dos bois e vai dar uma de detetive. Só que a partir daí tudo desanda.


No segundo conto, quando a Luiza acha que as coisas se resolveram, surgem novos mistérios e novos problemas decorrentes do problema antigo. Confesso que a autora soube trabalhar direitinho um drama policial no Brasil. Outra questão, além da investigação da história e do romance, há o romance de um casal em destaque em cada conto, a autora trabalha a história dos personagens secundários que são os amigos da Luiza e seus próprios dramas, tornando a história bem mais rica e dando um enredo àquelas ligações tão necessárias, para que tudo se conecte no final.


A gente termina a leitura do segundo conto achando que enfim as coisas se acertaram, mas querendo mais história, afinal nem todos tiveram seu “final feliz”, e aí vem o terceiro e último conto com mais um mistério policial a ser desvendado, mais lições de vida a serem aprendidas e aquele fechamento para todos os personagens da história que tanto gostamos e que é necessário ter para podermos terminar a leitura satisfeitos.

– Você é uma pessoa muito boa. Depois de tudo o que eu fiz, ainda me ajuda – disse, comendo o cupcake.
– Já aprendi muito com algumas situações e acredito que todos nós merecemos uma nova chance. Agora que você tem uma, não vá desperdiçá-la.

Eu amei a história, seu desenvolvimento e os personagens. Todo início da leitura de cada conto, eu queria logo chegar ao final. O trabalho da editora com a impressão, formatação, capa, está maravilhoso. As divisórias de cada conto e os detalhes na primeira página de cada capítulo só tornaram a leitura ainda mais agradável. Eu realmente amei o livro em um geral e por isso dou nota 5/5.


Agora você pode perguntar por que não entrei em mais detalhes sobre cada conto. É porque não quero dar nenhum spoiler e tirar o prazer da leitura. Afinal você precisa desvendar os mistérios à medida que vai lendo e garanto que irá gostar de chegar ao final, assim como eu.

Parabéns, Paula, pela história que escrevestes e parabéns ao seu filho pelas ilustrações. Foi um presente à parte neste livro. Também amei a inclusão do poema no final.

Boa leitura,
Carolina Finco


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

Mistérios e Cupcakes
Ano: 2020
Páginas: 255
Editora: Coerência
Sinopse:
Após se envolver no grande mistério dos cupcakes, Luísa guarda um segredo. Tudo que ela deseja é seguir sua vida com tranquilidade, mas seu passado recente insiste em assombrá-la, fazendo com que sua rotina seja um verdadeiro pesadelo. Se isso não bastasse, a jovem jornalista ainda precisa lidar com uma repentina paixão enquanto apoia seus amigos em seus dramas pessoais. Mas nada a impedirá de encarar diversos desafios, investigações e muitos problemas, descobrindo, entre uma revelação e outra, que ainda tem muito a aprender sobre o amor, a coragem e o perdão.
Prepare-se para saber mais sobre a diversidade cultural e social do nosso país com a série Mistérios, agora em volume único!


Para comprar:

 Livro Físico
 E-book


Dinâmica, inovadora, eclética e arrojada, a Editora Coerência já chega ao mercado revelando seu diferencial: a divulgação dos autores nacionais, que têm tanta dificuldade em se fazerem notar.
Criada não apenas para viabilizar a publicação de autores (ainda) não renomados, a Coerência conta com toda uma equipe de revisores, diagramadores, ilustradores, capistas e assessores, que preparam a obra para que esta chegue com qualidade à casa de milhares de leitores em todo o Brasil.
Foi pensando em fazer com que sonhos tivessem vida que a editora-chefe, Lilian Vaccaro, formulou a Coerência, para que se tornasse não mais do mesmo, e sim um lugar onde o autor pode, acima de tudo, se realizar e ganhar experiência no mercado editorial.


Conheça mais sobre o Grupo Editorial Coerência
em seu site e redes sociais:
Site │ Instagram │ Facebook │ Twitter

18 setembro, 2019

Resenha :: Outros Mistérios

setembro 18, 2019 0 Comentários

Guardei essa resenha por ansiar o próximo livro, contudo o mês mais brasileiro do ano merecia esse presente. Espero que goste de saber o que Outros Mistérios reserva ao leitor. O segundo volume da trilogia, que você conferiu aqui a resenha da primeira história  Mistério em Sampa , começa com a apresentação do nosso autor parceiro do Clube, Romulo Felippe, e a promessa do autor que em breve teremos o livro que fecha a série e  fico no aguardo ansiosa por Mistério Final.


A maneira do autor de apresentar os personagens continua original e interessante. Porque ao invés de um "convite" a empatia, somos levados a acompanhar o personagem em seu cotidiano e construir uma "amizade" ao longo da trama.

Enquanto o primeiro livro nos leva a São Paulo, aqui estamos no Rio de Janeiro. E antes do 3° capítulo, já espere por surpresas que farão você repensar a história que, ao invés do clichê esperado, começa a se revelar tão surpreendente quanto o livro anterior.

Sinceramente o detetive da trama é o ponto alto da trilogia, porque não cai em momento nenhum nos clichês americanos ou no Sherlock Holmes, mas igual a este único usa da inteligência e intuição para criar um método próprio e nada ortodoxo de investigação, que eu realmente adorei.


Max ficou ali a pensar como entrar no caso, e a decisão foi clara como sempre, entrar na vida do cara, desde o começo.

Esse livro, como o anterior prometia, é ainda melhor. Afinal já conhecemos o investigador, sua mania de mudar de nome e o porquê de agir assim. Agora com a alcunha de Marcus, e seu jeito peculiar nos arranca boas risadas enquanto acompanhamos seu método de ação de que de tão simples é genial. Começar do começo, não do caso e sim da vida do envolvido no mistério.

Outro ponto alto é saber mais sobre o investigador, origem, família, vida pessoal e até mesmo o motivo que o faziam fugir das sombras e evitar ser rastreado pela constante vigilância das câmeras, que são quase onipresentes nos dias atuais.


Ele, às vezes tinha essa necessidade de ser sincero por alguns momentos, como a lembrar da própria existência, que cada vez mais, se confundia em sua cabeça.

Em minha opinião, nessa história, ainda mais que a anterior, os fatos que permeiam e norteiam a vida do autor em suas várias habilidades e facetas, enriqueceram de uma forma grandiosa a história, trazendo não apenas veracidade, mas também toques de cultura e pontos de referência que deixaram a história ainda mais emocionante e fascinante.

A vida não tem preço. o valor que as pessoas dão ao meu trabalho também não tem.

O desfecho mostra um personagem que não tem nenhuma vontade de ser famoso, e sim faz a busca pelo bem mais precioso de ajudar alguém ao encontrar a resposta. Repleto de passagens que memoram o valor da vida e de se viver, o final do livro é na exata medida para que o leitor aguarde ansioso para o desfecho da trilogia e, sem dúvida, o encontro de nosso investigador com seu passado.


A edição, o texto e a diagramação estão impecáveis; fonte e espaçamento promovem conforto, proporcionam uma leitura fluida e prazerosa, apesar das páginas brancas, que por fim nada interferem no prazer de ler o texto. 


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

Outros Mistérios
Trilogia Mistérios #2
Ano: 2018
Páginas: 278
Editora: Editora GSA
Sinopse:
Empresário de metalurgia e sua amante são sequestrados e levados para um cativeiro distante. No decorrer da investigação acontece um trágico acidente. Os mistérios multiplicam-se e chega o momento do ativo investigador particular Marcus sair á caça da verdade.

23 maio, 2019

Resenha :: O Medo de Virgília

maio 23, 2019 0 Comentários

Queridos faroleiros, comecei a ler O Medo de Virgília sem nenhuma informação sobre o livro lançado pela editora parceira Selo Jovem. Também não conhecia o trabalho da autora gaúcha Rosa Mattos, mas fiquei intrigado com a sinopse.

Cercada por pessoas desajustadas (psicopatas, neuróticas, depressivas, insanas, obsessivas, fóbicas e inescrupulosas), Virgília luta para manter sua sanidade mental.

Virgília é uma personagem forte que se mudou da pequena Cristal para a grande Porto Alegre. Ela vive em um apartamento herdado pela mãe para poder ficar perto da irmã mais nova que está internada em uma clínica psiquiátrica na cidade.

Ela consegue arrumar trabalho como gerente de uma joalheria, onde conhece Alex, o entregador de joias da empresa de segurança. Os dois se envolvem, mas Alex tem um dom incomum. Ele é capaz de entrar na mente das pessoas e obriga-las a fazerem o que ele quiser, inclusive se matar.

A história é narrada em primeira pessoa e os capítulos são alternados com outros personagens, à medida em que eles surgem na vida da nossa protagonista. Pessoalmente ou em forma de lembranças. São personagens estranhos com histórias tão bizarras que conseguem prender a nossa atenção.

Durante a leitura, fiquei imaginando como esses personagens afetariam a história da nossa protagonista, mas, ao chegar no final do livro, percebi que Virgília funciona como um fio condutor para diversos contos.

A autora Rosa Mattos é gaúcha e encantou-se pelas letras desde pequena. Ela sempre escreveu minicontos, contos e prosas, e talvez isso tenha ficado marcado em seu DNA. 

A nossa imaginação é capaz de criar e aumentar os fatos, nos tornamos reféns de nossos próprios pensamentos.

O Medo de Virgília não funcionou como romance único para mim. Somente as histórias de Marília, a irmã mais nova, e de Alex, o namorado, é que se conectam diretamente com a história principal. As demais histórias acontecem meio que paralelamente. Por isso disse que o livro funciona melhor como uma seleção de contos interligados.

A edição da Editora Selo Jovem é muito boa. O livro tem orelhas, páginas amarelas e diagramação adequada para uma leitura agradável.

Com amor, André.


Nota :: 


Informações Técnicas do livro

O Medo de Virgília
Ano: 2014
Páginas: 200
Editora: Selo Jovem
Sinopse:
Cercada por pessoas desajustadas (psicopatas, neuróticas, depressivas, insanas, obsessivas, fóbicas e inescrupulosas), Virgília luta para manter sua sanidade mental.
Dividida entre cuidar da própria vida e ajudar seus familiares que precisam dela financeiramente, muda-se de Cristal (pequena cidade gaúcha) e vai morar sozinha em Porto Alegre, num apartamento herdado pela mãe. Assim, poderá ficar mais perto de Marília, sua irmã mais nova, internada numa clínica depois de tentar matá-la, após sofrer um surto psicótico.
Virgília começa a trabalhar como gerente de uma joalheria. Lá, conhece Alex, o entregador de joias. Os dois se apaixonam. E em pouco tempo, serão envolvidos por um laço de amor que os manterá unidos contra todas as adversidades.
Além de ser um homem apaixonante, Alex possui um dom incomum que o torna capaz de tirar vidas, ou salvá-las. E este seu dom, terá um papel importante para os rumos desta história.
Uma trama onde o grande mistério é descobrir como Virgília conseguirá lidar com tantas situações difíceis que a cercam, sem enlouquecer.


A editora Selo Jovem é uma empresa independente, que atua no mercado do livro desde 2013. É uma editora com base sólida e confiável, pois o objetivo da Selo jovem é publicar obras com 100% de qualidade literária, sem pressa e trabalhando duro na revisão dos textos; sem jamais desistir, para ganhar experiência e amadurecer a cada dia.

26 março, 2019

Resenha :: Mistério em Sampa

março 26, 2019 0 Comentários

Primeiro livro da série que narra as investigações feitas por um detetive muito particular e sua equipe nada formal, nos leva a um ponto de partida real, porém que nesse livro é usado de forma totalmente ficcional, explorando apenas as perguntas e conjecturas feitas quando ocorre o desaparecimento de uma pessoa, pública, notória e bem-sucedida.


Sendo nosso autor, também médico renomado, conseguiu por assim dizer entrar em vários pontos de vista da cabeça do personagem principal, dando uma profundidade impar a vivência e rotina do Dr. Arnaldo Santos. Que começa nos levando a São Paulo, nos tempos presentes e depois nos remete a memórias de um passado um pouco distante, onde conheceu Lourdes.

Lourdes de Andrade foi alguém forjada na difícil vida da carência de recursos, de dificuldades financeiras, à medida que sua história é contada, vamos descobrindo seu passado e todas as decisões que a levaram a ser a pessoa que é hoje, essa pessoa que nunca saiu da memória do Dr. Arnaldo, mesmo após tantos anos.


À medida que os fatos entre o passado e presente, a inquietação e a curiosidade tornam a leitura quase uma obsessão, em busca de resposta e a espera dos fatos que ainda não aconteceram mais que o título antecede. 

— Destinos. Arnaldo, destinos! Apenas isso. Há uma linha do destino para cada um de nós, e elas apenas se cruzam por algum tempo, em algum lugar. Depois, se afastam por anos, dão voltas, reviravoltas, voltam a se cruzar...

Mistério em Sampa é uma trama repleta de pontas soltas que vão te prendendo no meio e te deixando cada vez mais interessado em entender todos os detalhes para não ser preso no meio da trama, junto com nosso doutor Arnaldo. Outra coisa interessante são as respostas que a história vai dando às perguntas que nós começamos a pensar. Nesses momentos o livro parece conversar com o leitor, deixando tudo ainda mais crível e interessante.

Mesmo conhecendo os fatos, é impossível não sentir a angústia da família sem notícias e iniciando as buscas por informações que conduzam à solução o mais rápido possível; as cenas na delegacia são as mais brasileiras possíveis, o que deu um toque perfeito a parte policial desse romance, pois passou longe da caricatura ou das cenas Hollywoodanas. Achei isso digno de nota, porque mostra o respeito do autor para com a própria história e o leitor.


A entrada do personagem Maryo, com ípsilon, dá novo ânimo a trama, ao mesmo tempo em que sua excentricidade não deixa de nos lembrar do célebre investigador, Sherlock Holmes. Mas o Maryo vem com seu próprio método e também excentricidades. E a partir desse momento, ficou impossível parar de ler antes de terminar a história. Afinal, junto com o detetive, eu acreditei que logo teria a solução do mistério.

Ótimo. Mais um dado novo. Se não prosseguiu adianta pouco, mas é sempre mais uma pecinha do quebra-cabeça! Mais um dado jogado no pano!

Por fim, mesmo essa sendo uma obra ficcional, foi impossível não buscar um pouco sobre a história real, que foi a base dessa, e sinceramente é desesperador o desaparecimento e a ausência de notícias de alguém amado e querido após tanto tempo. Gostaria que sim a família tivesse um final feliz, ou ao menos algum final para essa busca que após 04 anos continua sem respostas. Quanto ao final da história terminou do jeito que eu ansiava e isso em si foi maravilhoso, porque ficou super condizente com a história.


A edição, o texto e a diagramação estão impecáveis; fonte e espaçamento promovem conforto e proporcionam uma leitura fluida, que coaduna com o texto para ser uma leitura prazerosa apesar das páginas brancas, que por fim nada interferem no prazer de ler o texto. Capa e contracapa com ilustrações lindíssimas que além de beleza trazem curiosidade a respeito do conteúdo.


Nota ::  4,5


Informações Técnicas do livro

Mistério em Sampa
#01
Dan Mendonça
Ano: 2015
Páginas: 280
Editora: Gráfica e Editora GSA
Sinopse:
São Paulo, carinhosamente Sampa. Um homem realizado em todos os sentidos, desaparece. Uma mulher forjada pelas dificuldades e seu passado. Um gênio em tecnologia, segurança e privacidade, um plano quase perfeito...
Uma família desesperada. A polícia imersa em suas rotinas. Um investigador muito particular, e sua equipe nada formal...
MISTÉRIO EM SAMPA. É um romance policial de ficção, misturando esses personagens e seus pontos de vista, numa das possibilidades infinitas que a vida traz.
Como breve momento do passado distante, secreto por anos, se torna um hiato no presente de várias vidas, e muda os horizontes dos envolvidos.
Os pontos de vista dos personagens e seus atos, justificativas e indagações, os paralelos da vida e suas interseções, cabe ao leitor sua análise, mergulhar num mundo alheio, ver-se em alguns ou mesmo em todos os papéis, te convido a entrar nessa trama.